Pesquisa personalizada

Pesquisar google aqui

31 de agosto de 2017

espiao de zap

WhatSpy: Aplicativo espião permite seguir passos dos usuários no WhatsApp

-->Depois do aplicativo espião para o Instagram foi lançada uma ferramenta espiã para o WhatsApp. O WhatSpy Public permite burlar as opções de privacidade do app para saber os passos dos seus contatos.
O app permite visualizar quando a pessoa acessou o WhatsApp e qual a sua imagem de perfil. É possível criar uma timeline dos passos do usuário através da ferramenta.
Segundo o holandês Maikel Zweerink, desenvolvedor do app, o WhatSpy Public se aproveita de uma falha de design do aplicativo. “A habilidade de seguir um estranho através de seu status é bem assustador e pode ser abusada”, disse em entrevista ao The Mirror. Outros aplicativos já prometeram espionar atividades do WhatsApp, mas na verdade mostravam dados públicos de forma organizada. Esta é a primeira vez que uma ferramenta expõe dados privados.

6 de junho de 2017

golpes mais comum na internert

Golpe nº 1: Aplicativos não tão festivos
Tomar cuidado com os aplicativos baixados no seu smartphone ou tablet é muito importante. É cada vez mais comum encontrar softwares que parecem "oficiais", mas na verdade contém algum tipo de arquivo nocivo. Apps de bancos e de sites de compra são os mais usados para este tipo de crime.
DICA: Examinar cuidadosamente todos os aplicativos antes de baixar qualquer um nos dispositivos. Consultar a seção de comentários e verificar a legitimidade do app diretamente com as partes que o software afirma estarem envolvidas.

Golpe nº 2: Presentes de Natal
Deve-se desconfiar dos anúncios imperdíveis de ofertas de presentes desta temporada. Os hackers divulgam concursos falsos em sites e redes sociais e enviam e-mails para tentar induzir os consumidores a revelar informações pessoais e/ou baixar um vírus em seus dispositivos.
DICA: Desconfiar de ofertas tentadoras dos mais recentes smartphones, tablets, consoles de jogos e outros gadgets cobiçados e verificar os preços diretamente com o revendedor ou a loja. Deve-se evitar o acesso a lojas virtuais desconhecidas.
Golpe nº 3: Cartões eletrônicos perigosos
Alguns cartões de Natal eletrônicos que são enviados para o e-mail podem conter vírus de tablets, smartphones ou computadores. Por isso, é melhor prevenir e não abrir um cartão caso não se conheça o remetente. Vale verificar o endereço pelo qual o cartão eletrônico foi enviado para identificar se o mesmo pertence a uma empresa conhecida e legítima ou de um site confiável.
DICA: Conferir atentamente todos os cartões que receber buscando por erro ortográfico suspeito no nome do remetente ou no nome da própria empresa ou site de cartões. Qualquer sinal de desconfiança e preocupação, recomenda-se pesquisar na Internet informações sobre o site de origem da mensagem.

Golpe nº 4: Jogos falsos
Os jogos para smartphones e tablets são um dos principais vícios da sociedade contemporânea. Os criminosos aproveitam isso para encher as lojas virtuais de aplicativos de games falsos.
DICA: Baixar ou comprar jogos apenas de sites confiáveis. Conferir nas lojas a legitimidade de uma oferta que foi anunciada e conversar com os filhos sobre como identificar e evitar possíveis fraudes.
Golpe nº 5: Notificações de envio falsas
Os cibe criminosos sabem que muitas entregas são realizadas nesse período e, por isso, eles enviam mensagens de e-mail falsas com solicitações de verificação de envio. Deve-se ter cuidado redobrado antes de digitar dados pessoais ou financeiros em um formulário associado a uma notificação de envio.
DICA: Verificar sempre o nome do domínio dos alertas de aviso de remessa e ter cuidado com qualquer um que receber sem ter solicitado ou mesmo se tiver enviado uma encomenda.

Golpe nº 6: Falsas instituições beneficentes
Esta é a época do “dar e retribuir”. Doações beneficentes são, em boa parte, realizadas durante as festas de final de ano. No entanto, existem pessoas que se aproveitam e criam sites falsos de doações.
DICA: Para doar, deve-se pesquisar sobre o que está por trás da instituição beneficente em questão e pensar duas vezes antes de divulgar qualquer tipo de informação pessoal em um site que não pareça muito idôneo.

Golpe nº 7: Golpes românticos
Quem estiver à procura de um parceiro na época de Natal poderá se expor a um risco maior do que uma simples desilusão amorosa. Com tantos sites de namoro à disposição dos internautas, pode ser difícil deduzir quais deles são reais e quais são golpistas se passando por fontes confiáveis para ter acesso a informações pessoais.
DICA: Procurar por sites de namoro e relacionamento confiáveis e sempre tomar muito cuidado ao fornecer informações pessoais de qualquer tipo a sites ou pessoas que conhecer na Internet.
Golpe nº 8: Lojas virtuais falsas
Para fugir das filas dos shoppings, é casa vez mais usual procurar produtos em lojas virtuais, muito mais rápidas e práticas que as tradicionais. Contudo, os consumidores devem tomar cuidado com páginas falsas de comércio eletrônico tomam o dinheiro e os dados pessoais dos consumidores.
DICA: Verificar cuidadosamente os endereços dos sites nos quais serão feitas as compras e consultar opiniões dos clientes e outras informações para checar a idoneidade de uma loja virtual.

Golpe nº 9: Viagens de férias
Viajar para visitar a família, os amigos ou simplesmente para descansar é uma das muitas alegrias da temporada de final de ano. Contudo, é preciso tomar cuidado, por exemplo, ao acessar redes de Wi-Fi de hotéis. Hackers podem instalar programas de captura de dados na rede e roubar informações importantes de smartphones, tablets e notebooks.
DICA: Antes de viajar, verificar se todos os softwares de segurança estão atualizados, executar uma varredura de verificação de vírus.
-->

O falso depósito em conta - um golpe bem Brasileiro

O falso depósito em conta - um golpe bem Brasileiro
-->
Este golpe está na moda há um bom tempo e foi relatado até por alguns jornais. A mecânica é simples mas não por isso menos engenhosa.
Alguém se aproxima da vítima, que pode ser pessoa física ou pequena empresa, normalmente com dificuldades econômicas e/ou restrições de crédito. Explica que através de algum esquema "eles" têm como liberar um empréstimo a condições aceitáveis (sobretudo em vista da situação da vítima) e prazos razoáveis.
As quantias normalmente não são muito altas mas em alguns casos podem chegar a mais de R$ 10.000. A condição para liberação deste dinheiro é o pagamento, supostamente NO ÊXITO, de uma comissão de X% (normalmente algo na casa de 10%). Ás vezes o X% que deve ser pago não é apresentado como uma comissão mas como um taxa, um seguro ou algum outro tipo de custo.

As explicações sobre a origem do dinheiro emprestado são as mais variadas, foram relatados esquemas fictícios de reciclagem de caixa dois, suposto dinheiro escondido de bancos, fundos estrangeiros, dólares convertidos no mercado paralelo, supostos funcionários de bancos públicos corruptos que liberam financiamentos indevidamente, programas de financiamento populares apoiados pelo governo etc... Obviamente tem também normais "novas" linhas de financiamento de bancos ou financeiras.

Até aí nenhum problema, a vítima vai assinar uma papelada que parece um contrato de empréstimo ou algo do tipo, depois disso (algumas horas depois) é informada que o dinheiro já foi depositado na sua conta, e que portanto já é devida a comissão, ou taxa, seguro, custo...
A vítima verifica no caixa eletrônico ou no computador e realmente aparece um depósito, não ainda liberado para saque, pelo valor contratado. Portanto ele, também apressado pelas cobranças e eventuais ameaças de anulação do empréstimo, paga imediatamente a comissão concordada.
O problema é justamente no depósito que, no dia seguinte, é cancelado sendo que tinha sido feito no caixa automático, depositando um envelope VAZIO mas indicando que continha o valor supostamente emprestado. Por esta razão o depósito aparecia na conta da vítima, mas ainda bloqueado (ou "sujeito a conferência"). O banco, obviamente, após verificar que o envelope era vazio, anula o depósito, estorna o valor da conta e a vítima fica com o prejuízo da comissão paga. Os golpistas, nem precisa dizer, desaparecem.

Recebi muitos relatos de golpes deste tipo partindo também de pequenos anúncios (classificados) em jornais e até de anúncios em rádios, sobretudo do interior.

Também já recebi vários relatos de outros golpes envolvendo "falsos" depósitos em conta, ou seja depósitos de envelopes vazios em caixas automáticos. Em alguns casos tratava-se de compras de mercadorias (via internet ou não), ou até de prestação de serviços.
Em alguns casos os golpistas efetuaram "pagamentos" com envelopes vazios e conseguiram receber em dinheiro o "troco" por supostos depósitos de valores em excesso (além de, em alguns casos, levar mercadorias ou serviços).

Existe, por fim, uma variante ainda mais perigosa na qual os golpistas, em vez de depositar um envelope vazio no caixa automático, depositam um cheque roubado ou clonado no caixa à vista. Depois de 1-2 dias (o prazo de compensação) o cheque volta, é estornado e pode ainda criar problemas pra vítima que, no caso em que o cheque fosse roubado, poderá ter que explicar de onde veio e como foi parar na sua conta.Em seguida um clássico exemplo de classificados, publicados em jornais de grande difusão, oferecendo empréstimos "populares" com muitas facilidades.
Este é normalmente um indício bastante forte de que algo não está certo na proposta anunciada, e que o anúncio pode ser o ponto de partida de um pequeno golpe.
Para saber se trata-se mesmo de golpe é, porém, necessário verificar o comportamento e as exigências dos "financiadores". Se, com qualquer pretexto, eles pedirem algum tipo de dinheiro adiantado, as chances que se trate de golpe serão muito altas.

Como regra geral, podem-se considerar suspeitos os anúncios nos quais:
  • Se afirme que é liberado o financiamento sem consultas aos órgãos de proteção ao crédito (SPC/SERASA...).
  • Se aceite financiar pessoas ou empresas com restrições (ou se diga que se "quebram" restrições).
  • Se financie com taxas muito baixas.
  • Se "reabilite" ou "limpe" o nome sem ter que pagar as dívidas.
  • Os telefones de contato sejam celulares ou telefones móveis tipo "Embratel" (ou a antiga "Vesper").
  • Os telefones atendam com uma mensagem automática e haja sucessivamente retorno de um celular.

A Carta da Nigéria clássica (golpe fraude na net )

A Carta da Nigéria clássica 



O primeiro golpe deste tipo que eu acompanhei foi por volta de 1992 (e já era um clássico na época pois existem registros policiais desde a segunda metade dos anos 70), mas muitos continuam caindo até hoje, no mundo todo.
Na prática a vítima, freqüentemente um empresário, recebe uma carta, por correio ou fax, supostamente enviada por algum alto funcionário público da Nigéria (país da África onde reina a corrupção e o caos). Nesta carta o remetente propõe ao destinatário de entrar como parceiro em alguma operação de extravio de dinheiro que seria obtido através de corrupção ou falsas transações.
Normalmente pede-se de aparecer como fornecedor estrangeiro de alguma mercadoria ou serviço, que está querendo ser pago pelo governo da Nigéria (ou pela N.N.P.C. companhia de petróleo nigeriana, também do governo, ou por outra grande empresa daquele país). O montante é geralmente elevado (mais de 10 milhões de USD). Se o destinatário gostar da idéia tem que entrar em contato ligando para um número na Nigéria.

Depois do primeiro contato ele vai receber por fax dezenas de falsos documentos, cheios de carimbos e assinaturas e com aparência oficial e autêntica, que supostamente comprovariam a existência e evolução do processo de liberação do dinheiro em favor da vítima (entre estes documentos freqüentemente tem alguns supostamente vindo do CBN - Central Bank of Nigéria, o Banco Central daquele país). Ele terá também que fornecer dados e documentos pessoais, números de contas bancárias, faturas e outros documentos supostamente necessários para iniciar o processo de pagamento.

Depois de algum tempo, e quando a vítima for considerada suficientemente envolvida, os "parceiros" nigerianos pedem uma ajuda financeira para a liberação final do dinheiro.
Esta ajuda pode ser supostamente necessária para a "compra" de algum novo funcionário chave, para a emissão ou autenticação de algum documento final, para pagamento de advogados ou tabeliões, para pagar alguma taxa ou imposto prévio e necessário para a liberação do dinheiro etc…
O montante necessário varia, normalmente, de 10 até 200 mil USD, muitas vezes divididos entre várias etapas e várias "motivações" sucessivas. O primeiro pedido sempre é modesto mas, uma vez pago, os sucessivos irão aumentar ao passo que a vítima estiver mais envolvida (inclusive financeiramente por já ter pago algo que não irá querer perder).
Muitas vezes o dinheiro solicitado não vai aparentemente para os sócios nigerianos, mas para algum outro interveniente (supostos advogados, consultores, funcionários públicos, entidades...) que apareceu com alguma desculpa.

Se a vítima enviar o dinheiro os "parceiros" nigerianos conseguiram o que desejavam … roubar de 10 a 200 mil USD a um estrangeiro ingênuo !!

Este golpe também é conhecido como golpe "419" (419 scam, em língua inglesa), onde 419 é o número da seção do Código Penal Nigeriano que trata de fraudes

-->


A partir do final dos anos 90, iniciei a receber da Europa e também de várias empresas e pessoas brasileiras, uma longa série de denúncias interessantes e divertidas. Ficou evidente que os bandidos "africanos" se modernizaram e introduziram importantes variantes e alterações ao esquema tradicional da carta da Nigéria (veja). Agora a tal carta chega, quase sempre, por e-mail ou, de toda forma, através de sistemas eletrônicos (forum, redes sociais, chats etc...).

Os países envolvidos não são mais só a Nigéria mas também outros países africanos quais África do Sul, Serra Leoa, Libéria, Costa do Marfim, Tanzânia, Congo, Angola, Ghana, Argélia e vários outros países que passam ou passaram por "turbulências" (IRAQ, Líbia, Afeganistão, Egito...), não só na África mas no mundo todo. Ou, ainda, países em forte processo de desenvolvimento, China, Índia e Rússia são as mais recentes inclusões. Em alguns casos os golpistas fingem estar em países do "Primeiro Mundo" (Holanda, Inglaterra, Espanha, Canadá, Japão...), ou aproveitam comparsas que realmente vivem naqueles países para dar maior credibilidade às suas propostas.

Além disso o objetivo principal não é mais só pegar dinheiro da vítima mas também conseguir informações reservadas quais dados pessoais (documentos, assinaturas etc...) e dados sobre empresas ou contas bancárias, no país ou no exterior, que depois são usados para tentar outras fraudes envolvendo “roubo de identidade” (sobretudo a do "esvaziamento da conta", veja capítulo específico) ou como referência para fraudar novas vítimas envolvendo o nome de empresas/pessoas sérias.

O esquema, a história contada e os detalhes podem variar bastante de caso a caso, mas o conceito do golpe é sempre parecido e se remete as fraudes do tipo "advance fee". O foco é sempre criar uma situação que justifique a solicitação de pagamentos adiantados por parte da vítima (na maioria dos casos através de sistemas tipo Western Union ou MoneyGram), supostamente necessários para conseguir um beneficio muito maior, o qual, porém, na realidade não existe.
A seguir alguns dos principais filões explorados nestes golpes:

O Dinheiro desviado de empresa e contratos.

Os golpistas propoem “parceria” e afirmam ter condição de viabilizar o vultoso pagamento de contratos ficticios (ou as vezes supostamente reais) em favor do “parceiro” (a vítima). Em troca da ajuda do parceiro, normalmente para fornecer uma conta bancária onde receber o valor do pagamento, eles oferecem gordas comissões (20-30% do montante total sempre na casa dos milhoes de USD). Ao longo do processo aparecem supostas taxas e outros custos a serem pagos de forma adiantada pelo “parceiro” para poder receber os valores.
Os golpistas sempre minimizam este aspecto, focando a vítima nos grande beneficios que estão próximos e evidenciando que tais adiantamentos serão reembolsados através de detração do suposto valor a ser recebido...

O dinheiro escondido de ex-ditadores, políticos ou ricaços ou de seus familiares e amigos.

Tem golpistas que alegam serem parentes do ex-ditador da Nigéria (Gen. Sani Abacha), do ex-presidente da Iugoslávia (Slobodan Milosevic), do ex-dono da multinacional russa Yukos (Mikhail Khodorkovsky), de Saddam Hussein, de Muammar Kadafi, DE Osni Mubarak ou de outros "ex-poderosos", outros dizem ter diamantes, ouro ou caixas de dólares (muitas vezes supostamente extraviados e/ou deixados pelos parentes ex-poderosos) bloqueados ou escondidos ou prontos para serem transferidos por alguma razão, freqüentemente de uma "security house", ou seja uma empresa de custódia de valores, ou de um cofre bancário.
Quase sempre estas pessoas alegam ter problemas para se movimentar (as vezes como refugiados ou perseguidos) ou “temporária” escassez de recursos e por isso solicitam uma ajuda oferecendo generosas comissões. Obviamente sempre aparecerão supostos custos e despesas a serem adiantadas pela vítima para conseguir levar a termo a “operação”.

Os ressarcimentos internacionais por fraudes sofridas.

Mais recentemente apareceram e-mails supostamente vindo das Nações Unidas, FMI (IMF), Banco Mundial (World Bank), OECD, FBI, Bancos Centrais e Governos supostamente oferecendo vultosas quantias para "ressarcimento" dos danos e prejuízos sofridos por causa de golpistas africanos ou “reembolso” de quantias fraudadas supostamente recuperadas.
Na realidade se trata sempre de golpistas aplicando a mesma fraude com uma nova desculpa. Não existe ressarcimento algum e todos os custos ou taxas necessários para obter os supostos “reembolso” ou “ressarcimento” são o verdadeiro objetivo dos golpistas.

As heranças de parentes, mortos acidentais e desaparecidos e os fundos descobertos ou bloqueadas em bancos.

Uma interessante variante que apareceu tempos atrás, e já ta virando clássica, é a das heranças e dos supostos fundos "esquecidos" ou "perdidos" nos bancos (normalmente bancos de porte e seriíssimos que nada tem a ver com estas fraudes). A história normalmente é que o proponente seria funcionário do banco ou advogado (com contatos no banco) e teria descoberto que existem fundos (milhões de dólares), no tal banco, que eram de alguém que morreu de repente e não parece ter herdeiros. A proposta é fazer com que estes fundos sejam transferidos para você com alguma desculpa (até fazendo parecer você como herdeiro) e depois divididos como bons amigos !!
Em vários casos chegam ao ponto de afirmar que o dinheiro supostamente esquecido seria de algum morto em acidentes aéreos ou de outro tipo (sem herdeiros ou com dinheiro não declarado), enviando para “confirmação” artigos de imprensa internacional com o nome da tal vítima fatal.
Em alguns casos eles inventam um "morto" com sobrenome igual ou parecido ao da vítima para assim justificar a proposta de apresentar a vítima como herdeiro e depois, supostamente, dividir o dinheiro.
Em outros casos eles se apresentam como advogados ou banqueiros e afirmam que, apos longa pesquisa, descobriram que a vítima é o único verdadeiro herdeiro do tal “morto”, ou que receberam instruções diretas do “dito cujo” para pagar a herança para a vítima (único e remoto parente), e portanto tem real direito a receber a suposta herança. A título de mera curiosidade eu gostaria de saber quem usaria um banco africano para deixar uma herança ... só mesmo se for deixar para um inimigo ou para alguém que se quer sacanear muito.
A fraudes é a de sempre ... conseguir dados e informações da vítima e depois arrumar alguma desculpa para tentar convence-la a pagar alguns supostos custos ou taxas adiantados, que são o verdadeiro objetivo do golpe !!
O país mais usado para este fim, pelo que vi até o momento, é a África do Sul, muito usados continuam sendo a Nigéria e outros países africanos mas vi casos vindo de vários outros países incluindo Inglaterra, China e Índia.

Os ricos, refugiados e soldados e suas propostas de transferência e investimento.

Outra variante comum é a dos supostos empresários ou ex-fazendeiros (quase sempre do Zimbabwe) fugidos ou refugiados no exterior (Holanda, Canadá, Inglaterra, África do Sul ...) em conseqüência de revoltas, perseguições ou golpes de estado, e com o dinheirão deles, ou herdado dos país mortos na revolta, escondido ou bloqueado por alguma razão (freqüente a desculpa de serem refugiados e portanto sem direitos e recursos para ir atrás do dinheiro).
Uma nova safra apareceu mais recentemente como conseqüência dos fatos no Afeganistão, IRAQ, Líbia, Egito etc... Tem supostos parentes de altos funcionários da época de Saddam Hussein (inclusive as filhas do próprio), Kadafi, Mubarak e outros, que propõem operações estilo "Nigéria", alegando uma série de interessantes e complicadas situações. Tem ainda os suposto soldados americanos que, durante uma missão, teriam encontrado um monte de dinheiro (de traficantes de droga, terroristas ou parentes/amigos de Saddam Hussein) e que precisariam de ajuda para tirar este dinheiro do lugar onde se encontra escondido (bem ao estilo do film "Three Kings", com George Clooney).
Recentemente, de uma suposta "security house" da Índia, um suposto investidor problemático queria transferir 10 milhões de USD simplesmente para aplica-los no Brasil, para isso precisava da minha ajuda (sic!).


Variantes aos danos de ONGs e Igrejas.

Algumas divertidas variantes "evangélicas", "sociais" e "ambientalistas" me foram recentemente informadas por visitantes do site e confirmadas por organismos internacionais. Nestas variantes, os proponentes de sempre, alegando às vezes estarem em ponto de morte, ou querendo se redimir, dizem que querem deixar os patrimônios escondidos deles (que, adivinhem, estão numa "security house" !) como doação para alguma Igreja, ONG ou entidade parecida. Até chegaram a propor de deixar tudo para uma pessoa física (perfeito desconhecido), mas com a "promessa" que usasse este patrimônio para fins de bem (sic!).
Em alternativa existem propostas parecidas vindo de falsos fundos sociais ou ambientais, às vezes supostamente patrocinados por bancos, grandes fundações ou organizações internacionais.
O objetivo, obviamente, é convencer tais entidades/vítimas a informar dados bancários (usados num segundo tempo para aplicar outros golpes) e depois a pagar algum valor adiantado para receber um montante muito maior (a suposta doação) que as ajude nas próprias missões ou projetos ... agora estão golpeando até as Igrejas e as ONGs !!

Propostas de trabalho perigosas.

Outra variante recente é um e-mail propondo virar agente "financeiro" de uma empresa ou industria (africana, indiana ou chinesa normalmente) para coletar dinheiro e pagamentos de clientes deles que supostamente teriam dificuldade em administrar por alguma razão.
Propõem uma gorda comissão por este serviço e depois disso eles dirão que os clientes pagaram, pagam ou depositam o dinheiro em security houses e que é de lá tem que ser levantado, adiantando os custos para depois recuperar do valor recebido.

Existe uma variante perigosíssima (e em forte crescimento) desta ultima versão do golpe, que consiste na utilização da vítima, e de seu nome e contas bancárias, para operações de lavagem de dinheiro de origem ilícita, freqüentemente oriundo de outros golpes aplicados (normalmente com variantes do golpe da "Nigéria" ou com operações de "Phishing"). Ou seja os golpistas, para não aparecerem, fazem com que suas vítimas depositem na conta de uma outra vítima (que acredita estar intermediando negócios lícitos, na função de "agente financeiro"), que assim vira cúmplice sem saber.
Depois de recebido o dinheiro fraudado (que a segunda vítima acha ser dinheiro oriundo de uma transação comercial), em troca de uma "comissão", irá repassar os valores para os golpistas, normalmente usando, a pedido deles, um sistema tipo Western Union ou MoneyGram.
Não precisa salientar os perigos práticos e os múltiplos graves riscos legais que se correm ao entrar numa coisa destas. Tem aí praticas de lavagem de dinheiro, cumplicidade em fraudes e outros crimes, formação de quadrilha, exercício ilícito de atividade bancária (receber e compensar cheques para terceiros), possivel evasão fiscal e de divisas etc...
As ofertas neste sentido chegam normalmente por e-mail, na forma de "propostas de trabalho" de supostas empresas ou entidades lícitas. O "trabalho" apresentado é simples, pago na base de comissões e com boas perspectivas de ganho. A função prática é a de recebedor ou coletor de supostos pagamentos em favor da tal empresa ou entidade, que alega querer facilitar assim a vida de seus clientes ou doadores em vista do fato que não tem uma sede no país. Os valores coletados, obviamente, devem depois ser remetidos via Western Union para o exterior.

Os falsos financiadores internacionais.

Sobretudo a partir do final e 2008, com o advento da grande crise global que afetou duramente os canais de financiamento, iniciaram a aparecer novas variantes envolvendo supostos financiadores. O esquema do golpe é sempre o mesmo, freqüentemente administrado pelo mesmos africanos. Neste caso a desculpa e o beneficio oferecido é a disponibilização, por parte de um suposto grupo financeiro, de um financiamento bem ágil, vultoso e em condições vantajosas.
Para liberação do mesmo, porém, além de preencher alguns cadastros e fornecer informações, é necessário realizar o pagamento prévio de taxas e custos variados.
Na realidade, obviamente, não existe financiamento algum, e o objetivo do golpe é conseguir receber os tais pagamentos de taxas e custos adiantados, até quando possível, para depois sumir.

Novas formas de contato via web e medidas de combate.

É interessante mencionar que recebemos algumas denúncias sobre uma nova modalidade usada pelos golpistas africanos para encontrar e abordar suas vítimas. Parece que agora eles vivem freqüentando sites de relacionamentos (às vezes através de cúmplices femininas), salas de "Bate-Papo" e sistemas de rede social tipo Facebook e Orkut. Depois de fisgado um gentil cavalheiro querendo conhecer alguma moça africana bonita, aparece a história triste (refugiados, órfãos, herdeiros...) ou pedido de ajuda ou ainda proposta de negócios ... o resto é tudo igual !!

Sugiro ainda ler a matéria sobre o golpe do "sorteio vencedor na loteria internacional", que em muitos casos representa, de fato, uma variante mais articulada desta mesma classe de fraudes.

Recentemente o governo da Nigéria criou uma entidade governamental que tem como objetivo combater este tipo de crimes, chama-se (EFCC) ou Comissão de Crimes Econômicos e Financeiros (veja link na página dos links de governos deste site). É oportuno denunciar casos desta natureza a esta Comissão, quando oriundos da Nigéria.
m SEGUIDA UMA Lista Dinâmica de nomos de Pessoas e Empresas cujos nomos apareceram em "Cartas da Nigéria", OU SEJA EM e-mails UO Cartas Localidade: Não solicitados propondo sândalo Tipo de Desvio de Dinheiro UO outra Operação Suspeita. 
This Lista E periodically Atualizada com Novos nomos. 
Importante ressaltar Opaco E o Fato Que UMA Empresa esteja Nesta Lista Localidade: Não significa Que SEJA UMA Empresa RUIM OU Que esteja conduzindo sândalo golpe, normalmente O SEU de Nome ESTA SENDO USADO Simplesmente de-forma abusiva POR golpistas, SEM Opaco A Empresa esteja CIENTE Disso.
nomos SO O MESMO vale Pará de PESSOAS. EM VÁRIOS Casos de Estes Nomes de São PESSOAS reais e honestas Que Nada A Ver dez COM Fraudes e Cujo de Nome ESTA SENDO SIMPLESMENTE POR Abusado golpistas, SEM Que o verdadeiro titular do nomo Saiba. Por ISSO CADA MENSAGEM UO proposal desen serviços avaliada Quanto AO Seu Teor, Características e Origem e Localidade: Não somente com base de los nomos de PESSOAS UO Empresas aí mencionados. 
Na Primeira Coluna E indicado o suposto Nome da Pessoa Que assina uma "carta", na Segunda fornecida a Qualificação, na Terceira o eventual Nome da Empresa envolvida, na quarta O País de suposta Origem (muitas Vezes OS golpistas estao na Realidade los Outro país). Sé figado Recebido sândalo e-mail UO carta dEste Tipo com nomos UO Empresas Localidade: Não listados Aqui, nos Cópia envie uma, POR favor.


TítuloNomeQualificaEntidadePaís
SenhorAbato GinoContadorINPC (Italiano National Petroleum Corporation) - Com Dinheiro desviado nenhum Banco de Roma.Italia
Dr.Abi John KingControlador FinanceiroAutoridade Nacional de Energia Elétrica (NEPA)Nigéria
SenhorAde FolarinHead, Corporate & Investment Banking (perdeu dinheiro do falecido Sr. Morris Thompson, consultor de petróleo / contratante com NNPC)Chartered Bank Plc / Lagoa International Bank PlcNigéria
SenhorAdebayo PetersContador pessoal para falecido Sr. Gabriel SchulzPadrão Trust Bank Ltd.Nigéria
SenhorAgazar GanutarDiretor de Contabilidade DeptAtlântico Norte Securities SarlLomé - Togo
Ahmed AliPresidente da adjudicação do contratoNigéria Ministério da AviaçãoNigéria
Exmo.Barr.Ahmed BabaAdvogado pessoal de Engr. C. O.SilvaBorad Bank of Nigeria PlcNigéria
Ahmed SavimbiFilho do falecido Jonas SavimbiO líder rebelde em AngolaÁfrica Ocidental
Engr.Ahmed Shafi Kurume Jr.Filho do ex-ministro da Aviação Dr. Yusuf Kurume AbdwanEtiópia
Dr.Ahmed SulePresidente Contrato Concessão CommiteeFundo da CEDEAOGana
Aisha AkuEsposa de Marcos Aku Ministro ExNigéria
SenhoraAisha Alade BamaiyiViúva tarde de Sherrif BamaiyiOgoni LíderNigéria
AdvogadoAkiga BelloProcurador pessoal ao Sr. John EvansUnion Bank PLCNigéria
Dr.Alassan KafandoBill e Exchange GerenteBank of Africa (BOA)Burkina Faso
SenhorAlex KhumaloFilho do Sr. Martin KhumaloO ex-fazendeiroZimbábue
SenhorAlex WilliamsDiretor Transferência Bancária Div.HSBCEspanha
Alexander JoHFC Bank Plc
AdvogadoAlexo DesmondAdvogado Pessoal tarde de Engr.Thomas (perdido dinheiro no banco)Access Bank PLCNigéria
AdvogadoAlfonso BelloProcurador para Gen Ishaya Bamaiyi (IDT)Chefe do Exército, sob o ex-presidente Gen Sanni AbachaNigéria
Alhaji Lawal KaitaGerente Geral AdjuntoPadrão Trust Bank LtdNigéria
Alhaji Mohammed AbachaFilho do general Sani AbachaNigéria
Alhaji SuleContador SêniorMinistério Federal das FinançasNigéria
Dr.Ali KafahGerente de Gerente de Filial e conta Late Mr. Ziya Bazhayev (um negociante de petróleo grande momento Russo)Banco Local?República do Benin
Dr.Allan FranklinGerente do Departamento de Sinistros (perdeu dinheiro de Mr. Federic Lynn)HSBC BANK PLCInglaterra
Engr.Amadi PauloMembro e Servo Sênior do Comitê AwarPetroleum (Especial) Fundo FiduciárioNigéria
AdvogadoAminu AdamsAdvogado pessoal tarde de Engr Steve MooreNigéria
SenhorAndrew KongGerente de Conta para falecido Major Fadi Basem das forças iraquianasHang Seng Bank Ltd.Hong Kong
SenhorAndy MorrisGerente da Filial (dinheiro perdido do Sr. Mohamed Kamal Yasser)Westpac Banking CorporationInglaterra
MãeAnita MacaayViúva do Dr. Donald Macaay / DiplomatKuweit
CoronelAnthony JohnosnChefe de segurança e operações para o ex-presidente Charles Taylor, da LibériaGoverno da LibériaLibéria?
Dr.Anthony Michy ButeegoGerente da Filial (perdido conta / dinheiro do falecido Sr. Burke Sean)United Bank for Africa PlcNigéria
SenhorAntony DikkoAssistente de Mikhail KhodorkovskyYukos OilReino Unido
Arrington H. MixonFornecedor credenciado de Grupos Alliot uma empresa subsidiária da Emirates International Holding (EIH)Automated Clearing House (ACH)
Athur RichardChief AccountantNigéria Plc Telecomunicações.(NITEL)Nigéria
SenhorAvis UgombaDiretor de Contas / Câmbio à Dept remessa ao exteriorAtlântico Norte Segurança Compay SarlTogo
General Dr.AzubuikeEx ComandanteECOMOGNigéria
Dr.Bamaga TukorAuditoria e Conta Unidade Remessa Exterior DeptBanco de CréditoBenin
SenhorBarry PhilimonAuditor-ChefeFirst National Bank da África do Sul (FNB)África do Sul
SenhorNas BashirFilho de Alhaji Wada Nas (ex-ministro deveres especiais e confidente do falecido presidente Gerais S. Abacha)GovernoNigéria
SenhoraBashira AmirEsposa Ill do falecido Dr. Amir Husain, que era um comerciante em Dubai. Disposto a doar.Espanha
Basil MaklelePrimeiro filho de Maklele Dube recentemente assassinado em disputa de terras no ZimbábueÁfrica do Sul
Bearnand Don KellyAccount Manager para o ex-presidente para um país que hoje está Trier por crimes de guerra.Lloyd Tsb Bank LondonInglaterra
Dr.Bello AdamsSecretário GovernadorBanco Central do GanaGana
SenhorBello UmanahContabilista pessoal tarde de Hon Chuba OkadigboO ex-presidente do Senado da NigériaNigéria
SenhorBello Umar AdamsAuditorUnited Bank of Africa PlcÁfrica?
Dr.Ben MaduAdjunto do Chefe da Delegação do Banco Mundial / linkman a OPEPPaís Oeste Africano?
SenhorBênção HarrisAuditor GeralUm Governo Accredited Oil Company aqui na NigériaNigéria
SenhorBodioe JonasChefe de segurança do Sr. Charlse TaylorEx-presidente da LibériaÁfrica do Sul
Esq.Brian SmithProcurador de um gestor de topo no banco (c / c do Sr. Chow Liu)Midland Bank - LondresReino Unido
SenhoraBridget UzoVice-DiretorCitizens BankNigéria
SenhorBruce SmithGerente de Conta de falecido Sr. Kurt Kahle (Royal Dutch Petroleum Co.)Royal Bank of ScotlandReino Unido
Carlos SavimbiPrimo de Jonas Malheiro SavimbiUNITAAngola
ProfCharles C. SoludoGovernadorBanco Central da NigériaNigéria
AdvogadoCharles Chike UzonduProcurador para Mrs.Aisha BamaiyiOgoni LíderNigéria
Dr.Charles MpoyoAuditor GeralAmalgamated Bank of South Africa ABSAÁfrica do Sul
Charles Taylor Jr.Filho de Charles TaylorO ex-presidente da LibériaNigéria
SenhorCheung PuiDiretor de operaçõesUFJ Bank Ltd - Horidome FilialChina?
ChefeChibi Joshua DariyeHalifax Bank em Londres
AdvogadoChigo JonasProcurador pessoal com o Dr. Patrick lokeshBurkina Faso
SenhorChris KoladeFilho do falecido chefe Isama KoladeReal Chefe de Eleme Região / Presidente do Isama Fundo Fiduciário Oil EspecialNigéria
ChefeChristopher JaquezBenin
SenhorChuckie TaylorFilho de Charles TaylorLibéria
SenhorCole MugudaAdvogado da família de falecido Sr. Fredrick SmithAssassinado agricultorZimbábue
Cole WilliamFilho do ex-ministro das Finanças de Angola (tem dinheiro escondido em Dubai)GovernoÍndia
Dr.Cypon MichealDepartamento InternacionalBanco Local?África do Sul
SenhorDagash MaboDiretorMinistério do Petróleo (MPNR)Nigéria
SenhoraDanla Chileesposa do falecido brigadeiro Badou ChileExércitoCote D'ivoire
David JohnsonChefe do departamento de Mortgage (dinheiro de tarde Sra. Fiona Watt)Royal Bank of ScotlandReino Unido
SenhorDavid KoromaElder filho de Frank Koroma do ZimbábueÁfrica do Sul
SenhorDavid LumbaMinistro das FinançasGovernoLibéria
SenhorDesmond EtzelComputador PessoalBanco Africano de Desenvolvimento (BAD)Nigéria
Desmond EyademaFilho do ex-presidente tardia de TogoTogo
AdvogadoDike EneAdvogado pessoal para Engr .. Adams WilliamsPrimeiro Atlantics Bank Plc / CADBURY NIGÉRIA Ltd.Nigéria
Dina Suleyman??Maurício
Dmitriy GololobovO assistente pessoal ao Sr. Mikhail KhordokovskyYukos Oil GroupRússia
Dr.E. ZuluContador ExecutivoSA Departamento de Mineração e Recursos NaturaisÁfrica do Sul
Eddie MotutuAlto Funcionário colocado na Autoridade Provisória da Coalizão (CPA)IRAQUE
Eng.Edward GeorgeVice-Diretor de finanças dept aprovação do pagamento estrangeira.Monetário Africano Control Board Oeste (WAMCB)Burkina Faso
SenhorEdward KhumaloFilho do falecido Sr. George N KhumaloAgricultor assassinado no ZimbabweÁfrica do Sul
Dr.Edward SmithGerente de contas do falecido Sr. John HughesUnion Bank PlcNigéria
SenhoritaEdwige AdelSó filha do meu falecido pais Mr.and Mrs.AdelÍmã de negócios respeitável (um comerciante de cacau)Costa do Marfim
Edwin DesmondHerdeiro de millionarie Giovanni DesmondHerança na NigériaCuba
SenhoraElizabeth ObongDepartamento Remessa Secretário InternacionalPadrão Trust Bank Ltd.Nigéria
SenhorElvis AkaGerente da Seção do ArquivoUm banco local?Costa do Marfim
Exmo.Emmanuel AnniO ex-ministro das Finanças durante o tempo de atraso Geral Omega KogoloGovernoRepública do Benin
Dr.Emmanuel OrjiakorDiretor Internacional Remessa DepartamentoBanco Central da NigériaNigéria
Eric EyademaFilho do ex-chefe de Estado Presidente do Togo Sr. EyademaLomé Togo
SenhoraEvenline BabatuEsposa do falecido Sr. Pedro BabatuProprietário do terreno no ZimbábueÁfrica do Sul
Esq.Falana WilliamsAdvogado de família de Abacha (do general Sani Abacha)O ex-Chefe de EstadoNigéria
SenhorFarouk BelloDiretor ExecutivoComercial Bank of AfricaNigéria
SenhorFedrick OxburghGerente Branch (perdeu dinheiro nos últimos tempos o Sr. Werner Karl Ruddigkei, empreiteiro Shell Petroleum na Arábia)ABN AMRO Bank - Reino UnidoReino Unido
SenhoraFemi FátimaMembro da comissão de adjudicação do contrato, Diretor RegionalCedeao força de manutenção da pazAngola
SenhorFowobi AjasinDiretor Secretário Remmittance ExteriorGulf Bank of Nigeria PlcNigéria
Francis AntonMinistro dos deveres especiaisCongo (RDC)
AdvogadoFrank Atta(Gau Thuo & Associates) - advogado pessoal ao Sr. Mark ToledoChrome Development Co.Lomé - Togo
SenhorFrank MichealGerente de Conta de falecido Sr. Patrick Moller (que trabalhou na Shell)Midas International BankNigéria
Dr.Frank ObiPresidente da Comissão de Propostas (NNPC)Ministério Federal dos recursos petrolíferosNigéria
Frank OgbemiUnidade de Controle de CréditoUnion Bank da Nigéria PlcNigéria
Dr.Frank OkoloO ex-Controler FinanceiroNigerian National Cooperação Petroluem (NNPC)Nigéria
SenhorFrank PeterGerente de Filial IkejaGulf Bank Plc Nigéria (GBN)Nigéria
AdvogadoFred BriggsAdvogado ao Engenheiro falecido John Garland (Merchant Oil)Universal Trust Bank Nig.PlcNigéria
SenhorFredrick NkosiEnteado do Sr. Terry Ford do ZimbábueBranco agricultor de tabaco no ZimbábueÁfrica do Sul
Dr.Liberdade MalikDiretor SeniorContratos Review Panel (CRP)Nigéria
AdvogadoFunmi FolorunsoProcurador de Douglas JudiceCompanhia Nacional de Petróleo (CNP)Nigéria
Dr.Gaji BelloPresidente responsável pelas vendas de petróleoNigeria National Petroleum Corporation (NNPC)Nigéria
SenhorGaruba ZongoDiretor responsável pela seção de contabilidade e auditoria. Encontrado conta inativa de pessoa morta.Bank of Africa (BOA)Burkina Faso
SenhorGeorge CriagDirector de Investigação (c / c do Sr. William Bryant contratante com a Shell Petroleum Co.)Bank Plc de Barclay.Reino Unido
George KabilaFilho do Presidente Laurent Kabila ExZaire
PríncipeGeorge SanoussiFilho do falecido Zainoul Abidine Sanousso ex-ministro dos Negócios EstrangeirosGuiné-Conakry
SenhorGimade SawadogoDiretor responsável pela seção de contabilidade e auditoriaBank of AfricaBurkina Faso
Godswill AsabaDiretor de Registro de Civic e finançasAgência Nacional de OrientaçãoNigéria
Dr.Godwin SekobeAmalgamated Bank of South Africa (ABSA)África do Sul
AdvogadoGraham WestonAdvogado pessoal ao Sr. AP JaramilloShell desenvolvimento Empresa / Kamal Contrusction e Manutençâo Inc. / Eco-BankLomé Togo
SenhoraHajia Mariam AbachaViúva do falecido general Sani AbachaO ex-Chefe de EstadoNigéria
Hajia Zainab BadoGerente de BancoContinental Merchant Bank da NigériaNigéria
AdvogadoHamed KodjoFundos de herança para ser lançadoBanco Internacional de ÁfricaLomé - Togo
Hammed IbrahimMerchant em Dubai com um câncer terminal dispostos a doar para a caridadeEmirados Árabes Unidos
Hassan AhmedTop Governo OficialRevisão de Contrato Painel Governo FederalNigéria
Engr.Hassan BenedictsNNPCNigéria
SenhorHassan BenedictsMembro do Comitê do Prêmio ContratoMinistério Federal dos recursos petrolíferosNigéria
Dr.Hawkins MichealDepartamento InternacionalBanco Local?África do Sul
SenhorHonor ChapmanConta do Fundo gerente do falecido Sr. Kurt KahleFundos MagnumReino Unido
Dr.Ibeh Nwachinemere JovemGerente de Crédito e estrangeiros BillsEcobankNigéria
Engr.Ibrahim MantuMembro da Comissão de adjudicar o contratoMinistério Federal dos recursos petrolíferosNigéria
SenhorIbrahim MusaGerente de projeto de lei e de câmbio em Remessas Estrangeiras DepartamentoBank of Africa (BOA)Burkina Faso
Engr.Ibrahim WahalaPrêmio contrato Presidente CommiteeCEDEAOCote d'Ivoire
Idris BamiyiIrmão de ex-Chefe do Estado-Maior do falecido general Sani AbachaNigéria
Dr.Idris UsmanPresidente e associado com o Dr. Joseph Sanusi (ex-governador)Banco Central da NigériaNigéria
SenhorIfy WilsonContador FilialPadrão Trust Bank PlcNigéria
Dr.Ike JoelGerente da Filial (perdeu dinheiro de Abbas Gumeri)United Bank for AfricaNigéria
AdvogadoInocêncio Duru / Paul WilliamsAdvogado pessoal para Engr.PBSantosLomé Togo
Jackson E. Gaio-ObasekiGrupo DiretorNNPC / SHELL - NNPC / SPDCNigéria
Dr.JamesGerente OperacionalBanco?África do Sul
SenhorJames CollinsEmbalagem e Courier DepartamentoBanco Central da NigériaNigéria
PríncipeJames IraboGerente de Filial / responsável pela conta do falecido Sr. Charles Ballassi (consultor de óleo / contratante no NNPC)First Bank of Nigeria PlcNigéria
James NdiovuFilho do Sr. Akuga Ndiovu (fazendeiro)Zimbábue
SenhorJames OkeyehChefe de Departamento do TesouroUnion Bank
SenhorJames OnyezeGerente de Banco (dinheiro perdido da Sra. Ann Parker)NILL Bank of NigeriaNigéria
Dr.James QabaGerenteBanco Local?África do Sul
Dr.Jean Paul LavoirDiretor (herdou o dinheiro de Mr. Henry Traore)Banco DiamantCosta do Marfim
Jean PhiliipsConsultor Sr. Eugen Jean Darly (gerente do banco) sobre perdeu dinheiro do Sr. Ahmed Yusuf do IraqueBank of MontrealCanadá
SenhorJeff OjeiProcurador para falecido Sr. Ramirez Videurre (agricultor salvadorenho) e sua esposa HelgaNigéria
SenhorJerry ChukoChief AccountantBeagon Nigéria LtdNigéria
Jewel TaylorEsposa de Charles TaylorLibéria
Joe BoseOperador Foreign and Personal AccountantUnion Bank da Nigéria PlcNigéria
SenhorJohn AbakasangaControlador Financeiro o Sr. Charles TaylorNigéria
John AjayiSecretário de Professor Charles SoludoBanco Central da NigériaNigéria
Dr.João BallasAuditor Geral (perdeu dinheiro do Sr. Pedro F. Hasler, gerente de Ouro Arca SA)Prime Bank (?)Maurício
SenhorJohn IkeContador e GerenteUnion Bank da Nigéria PlcNigéria
John JamesPrimeiro filho do Sr. Ncobe James recentemente assassinado na disputa de terras no ZimbábueÁfrica do Sul
SenhorJohn KellyConsultor Financeiro para uma viúvaNigéria
SenhorJohn MbanaGerente SêniorMinistério da Urban & Dev Rural.África do Sul
Dr.John MikadoDiretor de projetos de ImplementaçãoDepartamento de Minerais e EnergiaÁfrica do Sul
John Monoh PujehFilho do Exmo. Ngor Monoh PujehO ex-ministro dos Transportes e ComunicaçõesCosta do Marfim / Inglaterra
Dr.John TamboDiretor do Projeto de ImplementaçãoDepartamento de Minerais e EnergiaNigéria
AdvogadoJohn UgoProcurador para?Empresa de petróleo?Nigéria
SenhorJohnson DickAuditor (dinheiro de tarde Mr.Reed H.Huish)África Banco de Desenvolvimento (BAD)África do Sul
Johnson M KhumaloFilho do Dr. BC Khumalo (Chief Accountant de Indústria Mineração do ouro em Kimberly)Organização Sul-Africano Internet Social (ISO)África do Sul
SenhorJohnson ObiDirector Provincial (perdeu dinheiro do Sr. Michael Creek)Pacific Bank of NigeriaNigéria
SenhorJonathan SidneyChefe Auditor (conf. de Mr.Smith B. Andreas - Kruger Ouro Co.)Amalgamated Bank of South Africa (ABSA)África do Sul
AdvogadoJoseph MorimaiProcurador para falecido Sr. Bonnet Roux (francês)Banco no Reino UnidoInglaterra
Juan SzaboGerente de Contas da tarde Mohamed Kamal YasserGuaranty Trust BankNigéria
SenhoraJulieta AliViúva de tarde Sherrif Ali
Junho ChengGerente de contas / exchange no dept remessa ao exteriorHanivitbankCoréia do Sul
SenhoraKate Katangaviúva
SenhoritaKathleen ZubangaFilha do falecido Sr. Frederick ZubangaCacau MerchantCote d `Ivoire
AdvogadoKathren A. WilerProcurador de Johnny Taylor (sobrinho do ex-presidente da Libéria)Reino Unido
Kelvin KayaContador ExecutivoDepartamento de Mineração e Recursos NaturaisÁfrica do Sul
Dr.Kelvin TraoreBill e gerente de câmbio (de acordo com o Sr. John Korovo, da Jordânia)Banco Africano de DesenvolvimentoBurkina Faso
Ken AmobiMembro Fundo Fiduciário PetroleumPTFNigéria
Dr.Kennedy ModiseMedia-relações contadorSA Anglo Gold CorporationÁfrica do Sul
Dr.Kenny PaulGerente Sênior de ramoUnion Bank PlcNigéria
O sargento.Kevin WilliamSoldado dos EUA e jornalista foto em IRAQUEFundos pertencentes à família Saddam HusseinIRAQUE
SenhoritaKimaeva Lioudmila / Antony Dikkosecretário pessoal de Mikhail KhodorkovskyYukos Oil / Menatep SBP BancoRússia
SenhoraKimaeve LioudmilaSecretário pessoal de Mikhail KhodorkovskyYukos OilURSS
SenhorKinsleyobi NkosiFilho do Sr. Paul NkosiFazendeiro em ZimbabweÁfrica do Sul
Kofi IdrisGerenteBanco?Gana
AdvogadoKofo WilliamsAdvogado pessoal para Engr Michael RomanoContratado com NNPCNigéria
SenhorKola JohnsonPresidente da comissão de adjudicação do contratoNigeria National Petroleum CorpNigéria
Kolifa MomohMerchant no Zaire / DubaiEmirados Árabes Unidos
Komane EdulaPara os Refugiados (?)Cabo Verde
SenhoraLabaram E Van GlendovenViúva de Donald Van GlendovenBranco Zimbábue AgricultorÁfrica do Sul
Dr.Larry DouglasAuditor e Computação Pessoal (Perdeu dinheiro de MR JOHN HUGHES)Um banco na Escócia (?)Escócia Reino Unido
Larry MooreMerchant em Dubai com câncer de um comerciante em um comerciante em Dubai com câncerEmirados Árabes Unidos
SenhorLarry WINPOERelativa do Sr. Y Jophn WINPOELibéria Adjunto Min. Da segurança nacionalÁfrica do Sul
SenhorLeu ChengGerente de Banco (dinheiro perdido de Mr. Lawrence Hester)Bank of ChinaChina
Dr. Sra.Louisa Ejercitor EstradaEsposa de Joseph EstradaPresidente da FilipinasFilipinas
SenhoraLucia WilliamsEsposa do prefeito Denis Williams (fazendeiro)Zimbábue
SenadorLuisa Pimentel EstradaPrimeira esposa de Joseph Ejercito EstradaO ex-presidente da FilipinasFilipinas
AdvogadoLuther AkindaProcurador de Engr L Lorenz?Lomé - Togo
Dr.Magnus AlicoCabeça das propostas conselho encarregado de Adjudicação de Contratos e Pagamentos AprovaçõesDirecção de Recursos de PetróleoNigéria
SenhorMaliki AbudoulahGerente de Remessas do Exterior DeptBank of AfricaNigéria
SenhorMamduo CamaraFilho do ex-ministro das FinançasO governador da LibériaSenegal
SenhorMamou AbbudBill e Exchange Manager - Remessas do Exterior DepartamentoBank of Africa (BOA)Burkina Faso
SenhoritaMarah SadijaEx-amante de Qusay, filho de Saddam HusseinO ex-presidente do IraqueZimbábue
Marc DucheneInternational OrganizationIraque
Dr.Marcle DuluContador e confidente pessoal ao Dr. Ravindra F. Shah (industrial)África do Sul
SenhoraMariam AbachaViúva de Gen Sani AbachaNigéria
SenhoraMariam KhalidViúva de membro do comitê de premiaçãoIRAQUE
SenhorMark TuckerAuditor Geral (Late Mr. Morris Thompson)Grupo do Banco NatwestReino Unido
Dr.Mark-Anthony EzekwuO presidente do Comitê de adjudicaçãoNigerian National Petroleum Corporation (NNPC)Nigéria
AdvogadoMartin K. KuffourProcurador para o Sr. Norman E HuberConchaLomé - Togo
AdvogadoMartin K. KuffourAdvogado pessoal para Mr.NEAdlerLomé - Togo
AdvogadoMartin MomohAdvogado de David Zaccaria?Nigéria
SenhoraMary JonesEsposa Dr. Harry Jones / DiplomatKuweit
Mary KabilaViúva od Laurent KabilaZaire
Dr.Maryam AbachaEsposa de Gen Sani AbachaNigéria
SenhorMawukp AlihonouAuditoria e Contabilidade UnidadeEcobankLomé - Togo
SenhoritaMercy O MusaFilha de final Alhaji Mohd Musa (agricultores / comerciantes)Banco em GanaGana
Dr.Mfana ClarkContador com o Dr. Ravindra F. ShahPrimeiro Banco Local?África do Sul
AdvogadoMichael ScandlerAdvogado pessoal para falecido Sr. John EdwardsBranco AgricultorZimbábue
Micheal EsperançaTelex transferência / Dinheiro DiretorNigéria ápice Bank (Banco Central da Nigéria)Nigéria
SenhorMicheal PetersPrimeiro filho de Mr.dan Peters (agricultor preso)Agricultor britânico no ZimbábueEmirados Árabes Unidos
SenhorMike ImagaGerente de Conta de falecido Sr. James D. Robert (um dos diretores da Chevron Nig. Plc)Ecobank Nigéria PlcNigéria
AdvogadoMike ObiAdvogado Pessoal tarde de Engr.T.First Bank of Nigeria PlcNigéria
SenhorMohamed YayaAuditoria depatmentBank of AfricaLomé - Togo
SenhorMohammed AmarOperações Estrangeiras DiretorUnion Bank Bank of Nigeria Plc.(NBI)Nigéria
Mohammed IssahFilho do falecido Sr. Mohammed Harunaagricultor no ZimbábueÁfrica do Sul
SenhorMohammed NasserDiretor de Auditoria e ContabilidadeBanco Financial de BeninRepública do Benin
SenhorMorgan ColemanGerente da FilialF Van Lanschot BankiersHolanda
SenhoraMourice MosunDiretor Adjunto para PagamentosMinistério Federal das FinançasNigéria
AdvogadoMozark BalawaProcurador para falecido Sr. William. M.TartaglioneShell Development CompanyNigéria
SenhoraMudiwa ZukaHolanda
Murphy BrownAssistente Pres Charles TaylorLibéria
MadameMurray Beverly KoneViúva de tarde o ex-ministro das FinançasGoverno da Costa do MarfimCosta do Marfim / Filipinas
SenhorMusa DuruBills Manager & Exchange (Dr. George W Brumley)Bank of AfricaNigéria
SenhorMusa IbrahimContadorNigerian National Petroleum Corporation (NNPC)Nigéria
SenhoraNathalie GueiEsposa à tarde Dr. Alan GueiNertherland Embaixada no TogoInglaterra
Exmo.Dr.Nelson AbubakarDiretorNNPCNigéria
SenhorNelson SmithBills Manager e câmbio em Remessa Exterior DeptUnion Bank PlcNigéria
ChefeNelson UduGoverno Federal Revisão de ContratoNigéria
SenhoraNene BriggsEsposa do Sr. Tonye BriggsMovimento de Estado Soveriegn de OgoniNigéria
SenhoraNozipho FreemanEsposa de George Freeman, o ex-ministro da Juventude e criação qualidade sexoGoverno do ZimbabuéÁfrica do Sul
Nzanga Joseph Desire MobutuFilho de Joseph Desire MobutuO ex-presidente do ZaireNigéria
AdvogadoObocha IfobodoProcurador de um empreiteiro estrangeiroNigéria
AdvogadoOgbe ObiProcurador pessoal ao Sr. David Tarde TonyaNigéria
AdvogadoOkubo KonnoAdvogado pessoal para falecido Sr. BM ZampiniManager com Texaco Oil Servicing CompanyLomé - Togo
AdvogadoOma JomboAdvogado pessoal de ex-trabalhador Sr. KH Viveiros na ShellBanco Internacional de ÁfricaLomé - Togo
AdvogadoOma JomboAdvogado pessoal ao Sr. Alan Palacios (Semper EUA o MESMO sobrenome da vitima)Shell Development CompanyLomé - Togo
Gen.Orisunmibare Owolabi OdunayoEx Diretor de deveres especiaisECOMOGNigéria
Dr.Osita Nwa JoeManager (Perdeu herança falecido Sr. Ken Power)Union BankNigéria
Dr.Osler AntonioDepartamento de operação InternacionalBanco Local?África do Sul
SenhorPai WeiConsultor de gestão de ativos e diretor de crédito para falecido Sr. Ratnavale Victor (morreu em acidente de avião).Bank of America Securities (Suíça)Suíça
Rev. PastorPat BawaCabeça Pastor (Querendo doar US $ 8 mi. Pras vitimas fazer Tsunami)Missão CalvárioReino Unido?
Dr.Pat ObiContadorBeagon Nigéria Ltd (Oil Company)Nigéria
AdvogadoPaul ChineduAdvogado pessoal de um estrangeiro que era um pescador anda uma vez Secret AgentBenin
Paul Coughlin / Joe BoseOperador Exterior e contador pessoal para um estrangeiroUnion Bank da Nigéria PlcNigéria
SenhorPaul EmekaConsultor financeiro pessoal para o ex-chefe de EstadoNigéria
SenhorPaul HenryAuditoria DiretorContinental Trust BankCotonou-Benin
SenhorPaul KomoniContador Sênior (perdeu dinheiro do Sr. Ben Andreas)Amalgamated Bank of South Africa (ABSA)África do Sul
Paul ManeFilho do general Ansumane Mane Ex-Chefe da DefesaGuiné-Bissau
Sr. / BrotherPaul MartynAssessor jurídico tarde Mr / Mrs.Niccolo Milano (deixando o dinheiro para caridade / Church)Nigéria
AdvogadoPaul MbomaAdvogado de Charles TaylorHolanda Nigéria Libéria
SenhorPaul OkaforAuditor Computing ManagrFirst Bank of Nigeria PlcNigéria
SenhorPaul SilasAssistente pessoal para o final de Laurent Kabila (dinheiro em Gana)O ex-presidente do CongoNigéria
Advogado Sr.Paul WilsonProcurador de Pres Charles TaylorTogo
Dr.Paul WolfowitzChefe da delegação do Banco Mundial na África Ocidental (quota de petróleo na OPEP)Suisse / Reino Unido?
Peter AbbaMembro do esquadrão especial de ex-presidente da Libéria Charles TaylorLibéria
Peter HallChefe de grupo de risco escritório / conta ou falecido Dr. H. Paul JacobiBanco Multinacional em Londres?Reino Unido
Peter HallChefe de grupo de risco (Lost dinheiro de Andreas Schranner)ASB BANK LondresInglaterra
SenhorPeter junhoGerente de Contas da União (dinheiro perdido de MR. Richard Simmons)Union Bank da Nigéria PlcNigéria
Dr.Peter KpasonGerente Geral (controles de crédito - dinheiro do falecido Sr. Morris Thompson)Bank of AfricaRepública do Benin
Peter NkosiFilho do falecido Marc NkosiRico fazendeiro negroZimbábue
SenhorPeter OdiliGovernadorRivers StateNigéria
Peter BemGrupo DiretorNigeria National Petroleum CorporationNigéria
Engr.Peter BemContador-Chefe OficialNigeria National Petroleum Corporation (NNPC)Nigéria
SenhorPeter BemGM, Banca ComercialChartered Bank PlcNigéria
AdvogadoPeter ZumaAdvogado pessoal para Mr.Ali SabehÁfrica do Sul
Preston EwaenFilho de Meaizena Ewaen (fazendeiro)Zimbábue
Raphael EdemaFilho de um final de diretores de ouro e diamantes undes Tijan Kabbah Governo.BICICI BancoCote d `Ivoire
SenhorRasheed SuleimanDiretor responsável pela seção de contabilidade e auditoria. Encontrado conta inativa de pessoa morta.Bank of Africa (BOA)Burkina Faso
Advogado Dr.Raymond KutiProcurador ProcuradorBanco?Nigéria
AdvogadoRemond KossiProcurador pessoal ao Sr. William FeitosaManager at Shell Development CompanyLomé Togo
Dr.Richar AkuezeDiretor do Projeto de ImplementaçãoNigeria National Petroleum Corporation (NNPC)Nigéria
Richard & Rebecca TefeyaFilhos da tarde Chefe Leonard TefeyaSerra Leoa
SenhorRichard CollinsAuditor Geral (AG) - c / c oficial para falecido Sr. Andreas Schranner (a partir de Munique, Alemanha)Banco?
Richard DewarTransações Auditor internacionaisBanco?África do Sul
Richard DewarChefe Regional (de acordo com o Sr. Jonas Savimbi - UNITA)Liderando Bank?África do Sul
Richard TurbmanDiretor de Contratos e Finanças Atribuições do Ministério Federal de Obras e HabitaçãoGovernoNigéria
SenhorRichman KamalMembro do Conselho de Administração da TenderAutoridade Nacional de Energia Elétrica (NEPA)Nigéria
SenhorRobinson KabeloAuditor Geral (perdido em conta o Sr. Arthur Coleman)Um banco na África (?)
SenhorRoger ZumaPrimeiro filho do falecido Sr. Otobo Zuma da SuazilândiaDono de Otobo Aluminum CompanyÁfrica do Sul
SenhoraRosa J Jonas SavimbiEsposa de Gen Savimbi (Commander)ECOMOGSerra Leoa
Rosa SawimbiEsposa de Jonas SavimbiFalecido líder da União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA)Maurício
SenhoraRose IbeEmbalagem e Courier DeptBanco Central od NigériaNigéria
SenhoraRoseline Guei RobertsViúva od Pres Robert GueiCote d `Ivoire
Saeed AhmedMerchant em DubaiEmirados Árabes Unidos
SalamalequeMerchant do Oriente Médio, com o cancro
AdvogadoSamona SherifAdvogado pessoal para Mr.MBSchulzShell Development CompanyLomé - Togo
Sanni AbachaFilho de ex-presidenteNigéria
Dr.Sanou BelloChefe de Contabilidade e Auditoria (dinheiro perdido)Bank of AfricaBurkina Faso
SenhoraSerena JonesEsposa Dr. Harry Jones / DiplomatKuweit
SenhorSesay MassaquoeEx PresidenteSerra Leoa
SenhoraSese Seko-Viúva de Mobutu Sese Seko-Presidente tardia de ZaireMarrocos
SenhoraShirley Yema GbujamaMinistro da Previdência Social, Gênero e Assuntos filhos e esposa do Sr. Thomas GbujamaGovernoSerra Leoa
Simon BunceFornecedor credenciado de Grupos Alliot uma empresa subsidiária da Emirates International Holding (EIH)Automated Clearing House (ACH)
SenhoraSuha ArafatEsposa de Yasser ArafatLíder palestinoFrança
SenhorSule AhmedGerente da FilialStandard Chartered Bank PlcGana
SenhoraSuzan AbouajelaEsposa do Dr. Taeib Abouajela / DiplomatLíbia
Engr.TamboContador ExecutivoDepartamento de Mineração e Recursos NaturaisÁfrica do Sul
SenhorTeko WilsonPresidente da adjudicação do contratoMinistério da Urban & Dev Rural.Maurício
AdvogadoTemba Taylor MbuProcurador ao Sr. Douglas FormanPadrão Finanças & Securities EmpresaNigéria
SenhorTerry EdmondDepartamento de serviço de atendimento ao cliente Manager. (Perdeu dinheiro de Mr.Robert Shorts)Um banco local?Nigéria
SenhorTimoty ComlaPresidente Comitê de AuditoriaBanco Internacional de ÁfricaLome, Togo
SenhoraTiti EmordiEsposa do Chefe Joseph EmordiOmpadecNigéria
SenhorTom EbeweleO ex-assessor de Charles TaylorGoverno LibériaÁfrica do Sul
Tosaro DouglasSomente o filho dos meus pais atrasado Sr. e Sra. DouglasComerciante de negócios respeitável em um cacauCosta do Marfim
Engr.Ukot Thomas UkotDiretor do Projeto ExecutivoNiger Delta Comissão de Desenvolvimento (NDDC)Nigéria
Usman BelloGerenteUnion BankNigéria
SenhorUsman BelloEquipe de contas e troca no Departamento remessa ao exteriorUnion Bank of Togoleise Plc.Lome, Togo
AdvogadoUsman CostosProcurador para falecido Sr. Jerome TartaglioneShell Development CompanyNigéria
Victor CamaraFilho do Dr. Camara (King Regional)Serra Leoa
Victor MartinsMembro do Comitê da Diretoria do ConcursoMinistério Federal das Obras e HabitaçãoNigéria
SenadorVictor OyofoMembroComitê de Fundos de Pensão no SenadoNigéria
SenhorVictor WilliamsDiretor de Auditoria e ContabilidadeBanque Generale du TogolaiseLome, Togo
SenhorVictor WilliamsDinheiro da venda de diamantes em uma casa de segurançaDiplomática Corp
SenhorVincent BensonDiretor de Auditoria e ContabilidadeBanco Internacional de ÁfricaLome, Togo
SenhorVincent MaharryAuditor GeralO Banco da África do SulÁfrica do Sul
Dr.Wallace Akin DadaDoutor em Charles TaylorLibéria
Walter OkunPropostas presidente do conselhoComissão Eleitoral Nacional Independente (CENI)Nigéria
SenhorWang QinOficial de crédito (no comando do general Ibrahim Moussa - IRAQUE)Hang Seng Bank LtdHong Kong
Dr.William GojeDepósito de Acreditação Officer (dinheiro de tarde Peggy Stockley)A empresa de segurança (?)Nigéria
Dr.William MasalaGerenteMinistério de Minerais e EnergiaÁfrica do Sul
SenhorWilliam OmenkaDepartamento de AuditoriaEcobankLome, Togo
Dr.Williams KhojoPresidente da adjudicação do contrato e comissão de concursoUnião Africano (UA)Gana
Williams MomoduDiretor SeniorNigéria Departamento de Energia e Recursos MineraisNigéria
Williams Odili FidelisMembro do Comitê da Diretoria do ConcursoMinistério Federal das Obras e HabitaçãoNigéria
Wilson AkpososoFilho do Dr. Johnson Akpososo, assistente tarde para o ex-ministro da Libéria de terra, Minas e EnergiaLibéria / Ghana
AdvogadoJovem BisalaAdvogado de Charles TaylorHolanda Nigéria Libéria
AdvogadoYunus Ustaz UsmanProcurador Abacha FamíliaNigéria
AdvogadoZuby EzehProcurador para falecido Sr. George WilliamReliance BancoRepública do Benin
Zulu MupesaFilho do falecido Marc Magama MupesaRico fazendeiro negro no ZimbabweÁfrica do Sul
SenhorZumba NgamaEastern Regional Gerente da FilialBanco FinanceiroRepública do Benin