Pesquisa personalizada

Pesquisar google aqui

29 de abril de 2010

Google Maps: Como colocar sua empresa nos mapas do Google

Google Maps é um serviço de localização utilizando mapas geográficos. Ele permite localizar qualquer lugar através de informações como país, estado, cidade e endereço.
Exemplo de
 utilização do Google Maps
Esse sistema de localização, até o ano passado, não estava disponível no Brasil, mas agora já podemos utilizar esse serviço. Atualmente ele é oferecido gratuitamente.
Vamos aprender então a colocar sua empresa no Google Maps seguindo os seguintes passos:
  • Acesse o Business Center do Google Maps.
  • Se já possui uma conta no Google, acesse usando seu login e senha, senão crie uma conta para você e acesse a sua conta.
  • Em seguida aparece o seguinte formulário:
  • Preencha os campos de forma correta. O endereço usado aparecerá nos resultados do no Google Maps.
  • Após preencher, clique em próximo.
  • Na página seguinte, escolha a categoria que sua empresa se encaixa e clique em próximo.
    Nessa página coloque os horários de funcionamento e formas de pagamento de sua empresa. Definido isso, clique em próximo.
  • Coloque fotos ou arquivos de vídeo se quiser. Após isso clique em próximo.
  • Coloque informações adicionais se quiser e depois clique em próximo.
  • Por fim, o Google requer uma forma de contato para fazer a confirmação da inclusão do seu cadastro. Escolha uma opção e clique em Finalizar. Agora é só aguardar o contato do Google.

colocar musica no perfil do orkut

Obs: Leia o tutorial passo a passo sem pular nada, leia o que esta escrito nas imagens e veja as setas indicado e as numeraçoes do que voce tem que fazer primeiro e tente mais de uma vez e com calma antes de comentar pedindo ajudar, se voce nao conseguir diga qual passo voce nao conseguiu fazer e o que aconteceu.

Vou ensinar aqui como colocar musica no seu perfil do orkut e que toca automatica quando a pessoa entra no seu perfil, lembrando que serve apenas para quem tem o novo orkut.
Vamos ao tutorial.

1º PASSO: Entre no site www.boostermp3.com procure a musica ou cantor que voce deseja, depois clique em “Search!” como esta sendo mostrado na imagem abaixo.

bootermp3
2º PASSO: Depois que encotrar a musica que procura, clique em “Play” como mostra na imagem abaixo.
bootermp3


3º PASSO: Depois que clicar em Play, vai abrir uma pop-up com um codigo, espere para ouvir e confirmar que a musica esta tocando depois copie o codigo indicado, como mostra na imagem abaixo.
bootermp3
4º PASSO: Agora voce entra no orkut, na sua conta e depois clique em “Perfil” como esta sendo indicado na imagem abaixo.
bootermp3
5º PASSO: De um clique dentro da area indicada como mostra na imagem abaixo, para que apareça algumas opçoes.
bootermp3
6º PASSO: Agora clique em “HTML” como esta sendo mostrado abaixo.
bootermp3
7º PASSO: Cole o Codigo que voce copiou no site Boostermp3 no local indicado e depois clique em “HTML” novamente, como esta sendo indicado na imagem abaixo.
bootermp3
8º PASSO: Note que o codigo que voce colou se transformou em textos e uma imagem e o player,  Clique na imagem e apague ela, ficara duas frases uma acima do player e outra abaixo, seleciona a primeira frase e apague, faça o mesmo com a ultima frase.
Obs 1: Se o player nao aparecer como na imagem abaixo veja outra versao deste artigo aqui que ensina como fazer quando o player nao aparece.
bootermp3
9º PASSO: Tera que ficar assim somente o player sem mais nada e tocando a musica.
bootermp3
10º PASSO: Olhe mais acima ainda na pagina do Perfil, clique em “Editar” depois em “Editar Texto” como esta sendo mostrado na imagem abaixo.
bootermp3
11º PASSO: De um clique dentro do quadro como mostra na imagem abaixo e depois aperte no seu teclado “CTRL + V” para colar o que voce tinha recortado antes e clique em “Salvar”.
bootermp3
12º PASSO: Veja como Ficou, se voce tiver feito direitinho o player vai aparecer e a musica vai tocar.
bootermp3
Como fazer o player fica invisivel?
Se voce quiser fazer o player ficar invisivel no seu perfil basta no 8º PASSO depois que  apagar a imagem e os textos clique em “HTML” e voce procura no meio do codigo por:
height:24px e troque o 24px por 1
width:290px e troque o 290px por 1
width=”290″ e troque o 290 por 1
height=”24″ e troque o 24 por 1
Depois clique em “HTML” novamente e agora o player vai ficar invisivel espere um pouco e ouça porque o player mesmo invisivel tem que tocar a musica, se tocar a musica clique dentro do quando onde se digita o texto, aperte CTRL+A para selecionar tudo, depois aperte CTRL+X para recortar, agora olhe mais acima e clique em “Editar” depois em “Editar Texto” , de um clique onde se digita o texto do perfil e aperte no seu teclado CTRL+V para colar o player,  depois clicar em Salvar e pronto, Bom depois que faz o player ficar invisivel sao os mesmos passos a partir do 9º PASSO, a unica diferença porque o player nao vai aparecer.
Como Remover a musica
Para remover a musica clique em “Perfil” depois em “Editar” e depois em “Editar texto”, se tiver algo escrito no seu perfil selecione e copie, depois aperte CTRL+A para selecionar tudo e depois aperte DELETE, se voce copiou alguma coisa no perfil cole e depois clique em “Salvar” e pronto, depois so colocar outra musica.

colocar legendas nos seus filmes para depois gravá-los em CD ou DVD.

Neste guia,  irá ensinar, em poucos passos, como refazer um vídeo em AVI acoplando uma legenda para que depois você possa assistir seus filmes criados ou baixados no aconchego da sua casa.

Existem muitos programas que permitem visualizar vídeos com arquivos de legendas independentes. Porém, se você desejar ver tais vídeos na sua televisão, como proceder? Veja como a seguir:

Primeiro, crie e edite o seu vídeo ou baixe um da internet a sua escolha. Depois, você pode fazer uma legenda com o programa DivXLand Media Subtitler (caso o vídeo seja original), ou ainda fazer o download de legendas na internet. Após baixar o AVI Recomp e instalar todos os seus pacotes, vem a parte mais trabalhosa, mas não complicada.


Guia passo-a-passo
Abra o programa e na primeira aba, Source & Output (Fonte e Saída), atente para o setor Source Files e clique em Open AVI (Abrir arquivo AVI).
Em seguida, selecione o vídeo AVI no qual você pretende incluir uma legenda. Neste exemplo, utilizaremos o vídeo baixaki6.avi.
Agora é a vez de escolher o destino do novo arquivo que será criado. Em Output Files, clique em Save AVI, selecione um diretório e digite o nome do arquivo que terá a legenda. Não se esqueça de colocar um nome diferente para não sobrepor o vídeo original.
Ainda em Output File, você encontrará a opção New AVI Size, que corresponde ao tamanho do arquivo será criado. Para não perder qualidade, iremos colocar o mesmo tamanho do arquivo original. Siga para a pasta onde ele se encontra, clique com o botão direito do mouse e escolha Propriedades. É aconselhável colocar um pouco a mais do tamanho original. No exemplo, o tamanho do arquivo está próximo de 62 MegaBytes, portanto colocaremos 63 no campo indicado.
A seguir, é hora de escolher a legenda que você gravará no vídeo. Clique na aba Additions (Adições), marque a opção Enable/Disable (Habilitar/Desabilitar) de Subtitles (Legendas) e clique em Load Subtitles (Carregar legendas).
Então a busque em seu diretório. As legendas suportadas podem estar nos formatos SRT, SUB, TXT, ASS e SSA.
Tudo pronto. Clique na aba Queue (Fila) e em seguida Add to queue (Adicionar à fila). O seu vídeo novo aparecerá lá. Para verificar se tudo está correto, pressione o botão Preview (Pré-visualização) para ver o seu novo vídeo já com a legenda.
Neste momento, só falta apertar um botão para que o processo seja realizado. Feche o player e clique em Start para iniciar a inclusão da legenda.
Uma janela com programa VirtualDub será aberta para recriar o vídeo — aguarde pacientemente.
Feito! Agora só falta abrir o diretório do vídeo e posteriormente gravá-lo em um CD ou DVD para assisti-lo na televisão.

Recuperando Arquivos Deletados

Recuperando Arquivos Deletados

Todo mundo já passou pela seguinte situação: resolve dar uma limpa em arquivos que não usa mais – sejam músicas, filmes, documentos ou imagens. Para ser mais prático, você apaga os arquivos diretamente com o comando Shift + Delete, que apaga definitivamente, sem mandar para a Lixeira.

De repente, você nota que o arquivo que acabou de ser deletado era algo importante e que você não gostaria de ter excluído. A primeira reação é o desespero, contudo, em alguns casos há uma solução bem simples.

Aprenda agora a recuperar arquivos apagados por engano com o Recuva, um dos mais respeitados softwares quando o assunto é recuperação de arquivos excluídos. É importante lembrar, porém, que nem todos os arquivos são recuperados com êxito. Alguns, inclusive, nem aparecem nos resultados da busca. De qualquer forma, não custa tentar.
-
PRÉ REQUISITOS:
-
• Ter o Recuva instalado no computador em que a recuperação for realizada.
-
Link para Download: http://www.baixaki.com.br/download/recuva.htm (3,70 Mb)
-
FAÇA VOCÊ MESMO:
-
Mãos à obra. Primeiramente, ao abrir o Recuva, redefina algumas configurações do programa. Clique sobre “Opções”.
-

Selecione a guia “Ações”. Nessa seção serão marcadas algumas opções para ampliar os resultados exibidos pelo programa. Primeiramente, habilite apenas as definições “Mostrar arquivos encontrados em diretórios ocultos do sistema” e “Mostrar arquivos removidos de modo seguro”.
-

-
Depois de tudo pronto, clique em “OK” para volta à tela inicial e começar sua pesquisa. Ao realizar uma busca, o Recuva vasculha o disco em questão e exibe milhares de arquivos recém-excluídos, de diferentes formatos. Então, a primeira escolha é definir em qual dispositivo será feita a busca (pendrive, partição, disco rígido, disquete, etc.).
-

-
Para começar a buscar clique em “Verificar”. Primeiramente o Recuva varre o dispositivo em questão atrás de arquivos excluídos recentemente.
-


-
Depois de compilar os dados, ele analisa o conteúdo de todos os arquivos.
-

-
Assim é possível exibir os resultados utilizando os filtros já existentes ou então digitando o nome do arquivo desejado.
-

-
Para filtrar ainda mais a busca, é possível exibir resultados de apenas um formato. Como neste tutorial o arquivo a ser recuperado é uma imagem, foi usado filtro .JPG. Contudo, você pode usar qualquer extensão no lugar: .DOC, .AVI, .EXE. etc. Apenas digite “ponto” e altere o formato.
-

-

Agora navegue pelos resultados em busca do que deseja. Note que cada resultado é marcado com um círculo de cor diferente: vermelho (arquivo de qualidade muito pobre ou irrecuperável), amarelo (qualidade pobre) ou verde (excelente qualidade).
-

-
Selecione os arquivos que deseja recuperar. Após marcar todos os que devem ser restaurados, clique com o botão direito do mouse sobre um deles e clique em “Recuperar marcado(s)...”.
-

-
O próximo passo é selecionar o destino dos arquivos recuperados. Aqui temos um ponto interessante que merece ser ressaltado. Para aumentar as chances de sucesso de uma recuperação, é aconselhável que o destino do arquivo recuperado seja outro dispositivo que não o original, ou seja, outra partição ou HD, um pendrive ou até mesmo um disquete.
-


-
Escolha o dispositivo de destino dos arquivos, clique em “OK” e após alguns segundos eles devem estar sãos e salvos novamente.
-

-
E SE NÃO DER CERTO?
-
Se você pesquisou, fez tudo o que foi indicado no tutorial, mas o arquivo que você procura não se encontra na lista dos resultados, ainda há um alento. O Recuva possui um modo de pesquisa “profundo”. Ele pode levar até horas para ser realizado dependendo do tamanho do dispositivo, porém, seus resultados são bem mais amplos.

Para utilizá-lo, clique em “Opções” na tela inicial do aplicativo e na guia “Ações” habilite a opção “Verificação profunda (aumenta o tempo de verificação)”. Clique em “OK” e repita os mesmos procedimentos realizados anteriormente.
-

-

20 de abril de 2010

Ranking dos sites mais visitados em de Lisboa.

User-agent: Mediapartners-Google*
Disallow:
Ranking dos sites mais visitados em de Lisboa.
Posição Site
1 google.pt
2 hi5.com
3 youtube.com
4 google.com
5 live.com
6 sapo.pt
7 blogspot.com
8 blogger.com
9 msn.com
10 iol.pt
11 abola.pt
12 record.pt
13 clix.pt
14 uol.com.br
15 wordpress.com
16 olx.pt
17 microsoft.com
18 aeiou.pt
19 bing.com
20 travian.pt
21 orkut.com
22 google.com.br
23 conduit.com
24 funphone.com.pt
25 ig.com.br
26 millenniumbcp.pt
27 netlog.com
28 standvirtual.com
29 ojogo.pt
30 ask.com
31 imdb.com
32 globo.com
33 terra.com.br
34 doubleclick.com
35 mininova.org
36 badoo.com
37 megaupload.com
38 cgd.pt
39 hotfile.com
40 rtp.pt
41 imageshack.us
42 zerozero.pt
43 tribalwars.com.pt
44 net-empregos.com
45 zwame.pt
46 pai.pt
47 sapotuga.com
48 tmn.pt
49 btnext.com
50 piratatuga.net

Ranking dos sites mais visitados em de Coimbra.

User-agent: Mediapartners-Google*
Disallow:


Ranking dos sites mais visitados em de Coimbra.
Posição Site
1 google.pt
2 hi5.com
3 sapo.pt
4 record.pt
5 abola.pt
6 iol.pt
7 aeiou.pt
8 olx.pt
9 uc.pt
10 clix.pt
11 ojogo.pt
12 travian.pt
13 funphone.com.pt
14 zerozero.pt
15 tribalwars.com.pt
16 rtp.pt
17 btnext.com
18 meteo.pt
19 metododinheiro.com
20 standvirtual.com
21 millenniumbcp.pt
22 vodafone.pt
23 sapotuga.com
24 pdclinks.net
25 tvgolo.com
26 rcts.pt
27 piratatuga.net
28 cgd.pt
29 brincar.pt
30 jornaiserevistas.com
31 tmn.pt
32 mybrute.com
33 expresso.pt
34 xl.pt
35 legendasdivx.com
36 btnext.info
37 mctes.pt
38 maistrafego.pt
39 publipt.com
40 min-edu.pt
41 net-empregos.com
42 pai.pt
43 santandertotta.pt
44 pixmania.com
45 trovit.pt
46 tribos.com.pt
47 leiloes.net
48 cp.pt
49 relvado.com
50 soccermanager.com
Ranking dos sites mais visitados em de Coimbra.
Posição Site
1 google.pt
2 hi5.com
3 sapo.pt
4 record.pt
5 abola.pt
6 iol.pt
7 aeiou.pt
8 olx.pt
9 uc.pt
10 clix.pt
11 ojogo.pt
12 travian.pt
13 funphone.com.pt
14 zerozero.pt
15 tribalwars.com.pt
16 rtp.pt
17 btnext.com
18 meteo.pt
19 metododinheiro.com
20 standvirtual.com
21 millenniumbcp.pt
22 vodafone.pt
23 sapotuga.com
24 pdclinks.net
25 tvgolo.com
26 rcts.pt
27 piratatuga.net
28 cgd.pt
29 brincar.pt
30 jornaiserevistas.com
31 tmn.pt
32 mybrute.com
33 expresso.pt
34 xl.pt
35 legendasdivx.com
36 btnext.info
37 mctes.pt
38 maistrafego.pt
39 publipt.com
40 min-edu.pt
41 net-empregos.com
42 pai.pt
43 santandertotta.pt
44 pixmania.com
45 trovit.pt
46 tribos.com.pt
47 leiloes.net
48 cp.pt
49 relvado.com
50 soccermanager.com

8 de abril de 2010

Divulgador DataHosting: Cadastre seu site em 236 sites de buscas

User-agent: Mediapartners-Google*
Disallow:

 clique aqui

A DataHosting oferece um formulário para você cadastrar seu blog ou site em 236 sites de buscas, sendo 35 brasileiros e 201 internacionais.
Você só precisa preencher informações pertinentes ao seu blog ou site, como por exemplo o título, url, descrição, palavras chaves, etc.
Por default, todos os sites vêm checados para serem cadastrados, mas caso não queria se cadastrar em determinado motor de buscas é só tirar o ícone de check.


DataHosting - Hospedagem de Sites

sites legal

User-agent: Mediapartners-Google*
Disallow:Script Brasil
O maior portal de códigos livres da América Latina, com milhares de codigos e centenas de apostilas. Além de um sistema de cursos on-line com emissão de certificado. A scriptbrasil.com se destaca como o maior portal de apoio a desenvolvedores.


Firemasters
É um portal de webdesign, programação, 3D, design gráfico, com colunistas, tutoriais, scripts prontos, .flas, geradores online, entrevistas, webdicas e muito mais. Além do seu fórum que é muito visitado e as respostas são sempre rápidas.

scriptfacil.com
No site você encontra tudo para o desenvolvimento do seu site: dicas, cores, efeitos, páginas, menus, tabelas, formulários, buscadores, tabela de cores, gifs, modelos de index, efeitos em textos, em mouse e muito mais.

IMasters
Comunidade de profissionais, estudantes e mestres em tecnologias e ferramentas voltadas para o desenvolvimento web. Microsoft, linux, programação, asp, php, css, javascript, delphi, sql, oracle, interbase, dreamweaver, photoshop, fireworks e flash.

PLUGMasters
Website voltado para webmasters com códigos prontos (asp, php, cgi, css, javascript), downloads, artigos, layouts prontos e geradores online e muito mais.

Crie seu Web site
Web design (ferramentas, serviços gratuitos, dicas, apostilas, tutoriais...), programação (ASP, CGI, ColdFusion, CSS, DHTML, Flash, HTML, Java, JavaScript, PHP...) e divulgação (buscadores, banners, concursos...). Do básico ao avançado, tudo grátis!

Hiper Masters
Site com conteúdo para webmasters e webdesign, trás códigos fontes, layout prontos, serviços grátis como: contador de visitas, contador de usuários on-line, FormMail, um sistema para você controlar os anúncios no seu site e muito mais.

Banana Design
O Banana Design é um site voltado para estudantes e profissionais interessados em conhecer mais sobre web design. Entrevistas nacionais e internacionais, cases, links, galeria de sites, dicas etc.

HD Master
Site recheado de informações e serviços: templates, webdesign, webmasters, layout, animações, tutoriais, colunas, Asp, Cgi, Css, My Sql, banco de dados, dreamweaver, firewoks, flash, apostilas...

Como usar as redes sociais para otimizar os negócios

Como usar as redes sociais para otimizar os negócios

Emerson Calegaretti, gerente-geral do MySpace Brasil, entende muito bem como funciona as redes sociais, principalmente por trabalhar em uma das maiores do mundo. Em sua palestra, ele separou 10 mandamentos das redes sociais para negócios, porém, por motivos de atraso, pôde apenas falar sobre 6.

Como tema central da palestra, Barack Obama foi citado diversas vezes. E não é para menos, o presidente dos Estados Unidos é considerado um dividor de águas no que concerne ao uso das redes sociais em campanhas diversas – em seu caso na campanha política.

De acordo com Emerson, há vários motivos para empresas investirem no ramo das redes sociais. “O brasileiro é personalista, ligado a sua imagem, por isso 85% da base de internautas aqui usa redes sociais”, disse Calegaretti.

Foi com esse intuito que Emerson criou 6 mandamentos para auxiliar empresas durante esta jornada sem trilhas específicas:

1- Saberás qual é sua reputação na web

Como fator principal, Emerson destaca a importância da empresa tentar entender qual é a percepção do público de sua marca, antes de começar qualquer campanha online. É preciso tomar a consciência de que o movimento negativo dos usuários geram efeitos bem maiores na internet. Ele disse que ‘Obama pegou a insatisfação dos internautas americanos sobre Bush e explorou isso nas redes sociais’.

2- Farás planos diferentes, pois cada rede é distinta

Esta dica é muito importante, pois é preciso analisar cada rede separadamente para não cometer nenhum tipo de equívoco. Pessoas que frequentam o MySpace, por exemplo, terão reações bem distintas daquelas que frequentam o Orkut. “É trabalhoso, mas é necessário entender o que é mais importante em cada rede”, disse.

Como exemplo, Calegaretti falou novamente de Obama, dizendo que em cada rede social ele explorava seu público diferente e lucrava em cima disso.

3- Ouvirás e não apenas falarás

O consumidor mudou, a internet não é como a televisão. Os aparelhos televisores mandam o sinal para as pessoas, e as redes são inatingíveis e o boca-a-boca produz poucos efeitos.

Com o advento da internet, esse quadro mudou bruscamente. Hoje em dia ‘é preciso aprender a ouvir o feedback das pessoas, usar a sabedoria das multidões’, como diz Emerson.

4- Engajarás as pessoas em torno de ti

Outro exemplo excelente é o de engajar pessoas. Para vender um produto, não precisa anunciá-lo diretamente, pode ser muito mais viável engajar os clientes em alguma ação. Pode ser um trabalho voluntário ou até uma promoção.

Um dos casos citados foi a Nokia, que criou o hotsite Xpress Music, dentro do MySpace, com a intenção de ajudar bandas novas a gravar um material de qualidade, e ao mesmo tempo divulgaram os aparelhos da marca.

5- Medirás os resultados

Além de fazer as ações, é necessário medir os resultados. Um bom exemplo de se fazer isso é com o Returno of Engagement (ROE). Para Calegaretti, essa é uma prática fundamental. “Há empresas que dizem não conseguir mensurar as ações nas redes sociais, mas há diversos indicadores para verificar se uma ação foi bem sucedida, como a quantidade de amigos e seguidores, número de comentários em uma rede.”

6- Permanecerás de maneira contínua

Para finalizar, outra dica excelente. Não faça uma ação e a abandone, pois os usuários podem se sentir usados e rejeitados. Emerson citou novamente como exemplo o case Obama, que pegou todo o banco de dados de sua campanha e transferiu para o site Change.gov. Atualmente, ele libera vídeos semanais em seu canal do Youtube para o público, além de recentemente ter respondido perguntas dos internautas, ao vivo e online

Filtros sociais:

Todos nós, como consumidores, já estamos inseridos nesse contexto de Filtros Sociais, que nada mais é do que filtrarmos todas as informações que recebemos através das Redes Sociais às quais pertencemos. Entretanto, essas informações quase nunca são de instituições, são, na sua grande maioria, de amigos que acompanhamos nas Redes. O Filtro Social nada mais é do que bom e velho boca a boca, só que agora mais potencializado do que nunca pela Internet.

Mas como usar esses Filtros Sociais?

Digamos que você siga 500 pessoas no Twitter. Dificilmente você é amigo dessas 500 pessoas mas, em média, pode conhecer ou ter um relacionamento mais próximo com aproximadamente 20% - digo mais próximo considerando seus amigos da escola/faculdade/trabalho, rua, bairro ou amigos virtuais que você começou a seguir no Twitter, começou a trocar informações e de lá foi para e-mail, MSN, Orkut, Facebook... Eu mesmo tenho diversos desses amigos, que começaram a me seguir pelo Twitter (@plannerfelipe) e, depois, fomos estreitando o relacionamento. A web permite isso há anos já, só que agora, com o crescimento constante das Redes Sociais, cada vez mais as pessoas farão e manterão amizades via Internet, independentemente da ferramenta.
Essa pequena introdução serve como base para o meu objetivo aqui: mostrar que essas relações, sejam as criadas no "mundo offline" e transpostas para o online ou as já nascidas no mundo digital, são a base para esse conceito de Filtros Digitais: recebimento de mensagens, mas filtrando apenas o que você deseja.
Mesmo que você receba cerca de mil mensagens por dia no Twitter (e vamos ficar apenas nessa ferramenta para o artigo não se estender muito) você não consegue ver tudo, entender tudo e ler tudo, ou teria que passar o seu dia inteiro apenas interagindo no microblog sem tempo para mais nada, como trabalhar por exemplo; claro que isso é impossível, ainda mais se você é uma pessoa que siga 500 pessoas (vamos manter o número para o exemplo). Por isso, é natural e o nosso cérebro nos ajuda nessa missão, que filtremos apenas aquilo que nos interessa realmente.
O Twitter já recebeu críticas e virou até motivo de piada, pois a necessidade que o brasileiro tem de falar (e ser ouvido) é tanta que as pessoas começaram a usar a ferramenta (e ainda a usam) para falar coisas que, na minha opinião, não têm o menor interesse a ninguém, como por exemplo "acabei de acordar e ainda estou com sono" ou "Indo trabalhar. Não sei por que faço isso...". Claro que a web é democrática, cada um escreve ali o que deseja e se você recebeu essas mensagens é porque optou em seguir as pessoas que escrevem isso, mas esse é o tipo de informação que naturalmente seu cérebro vai filtrar, seja descartando (como no meu caso) ou absorvendo, caso o autor da frase seja um grande amigo e você tenha interesse em responder.
Por outro lado, se você é um profissional que trabalha com marketing digital e recebe um link no twitter, por exemplo, sobre "Comportamento dos usuários nas Redes Sociais", com certeza vai se aprofundar nessa mensagem. Vai abrir, vai ler, se interessar. Seu cérebro entendeu essa mensagem como algo interessante para você, por isso é algo instantâneo e, às vezes, até mesmo automático. Mesmo que você salve o link para ler depois, você sabe que aquilo é importante. O seu filtro está ligado e funcionando.

E como as marcas podem se apoderar disso?

Em primeiro lugar, é preciso que as marcas tenham consciência de estratégias para estar nas Redes Sociais. Isso ainda é algo muito, mas muito distante entre a vontade das marcas versus o momento do consumidor no mundo digital.
Durante um evento recente em São Paulo, o Digital Talks, foi feita uma pesquisa que mostrou que 60% das 500 maiores empresas do Brasil não fazem Internet, pois ela não tem mensuração. É incrível, mas disseram isso. Há um resumo desse evento no meu blog. 
Não basta estar no mundo digital, é preciso saber estar. Infelizmente a grande maioria das marcas ainda não sabe, mas temos visto uma evolução dos profissionais em relação à web, de pessoas com muita vontade de, pelo menos, aprender mais sobre o meio.
Estando no meio digital, as marcas precisam localizar dois tipos de públicos que são interessantes para que as sigam: Consumidores e Formadores de Opinião - e não entenda formadores de opinião apenas como nomes famosos ou jornalistas, como Willam Bonner ou Cid Moreira. Todo aquele que consegue congregar pessoas ao redor de um foco - uma marca - é um formador de opinião. Seja aquele que criou uma hashtag no Twitter, uma comunidade no Orkut ou uma fan-page no Facebook, essa pessoa - esse moderador - é um formador de opinião. pois aqueles que o acompanham - os 200 mil de uma comunidade no Orkut, por exemplo - estão ali porque querem, porque decidiram seguir aquela opinião/ideia.
Consumidores seguindo uma marca é algo "default" para a empresa, algo obrigatório. Afinal, se a pessoa está interessada em seguir a marca X, é por que ela abriu as portas para o relacionamento. E relacionamento não é apenas vender! Relacionamento é também ouvir. Os formadores de opinião são interessantes para a marca exatamente pelo alto poder de persuasão que eles têm junto às comunidades.

Mas como gerar esse relacionamento?

Gerando conteúdo! O segredo é esse.
Ninguém vai seguir o Felipe Morais, O Melhor do Marketing, a Coca-Cola, a Apple se essas marcas não gerarem conteúdo relevante. Se eu ficar o tempo inteiro só falando "pessoal, acesse meu blog", eu perderei seguidores em pouco tempo. O Melhor do Marketing teve um excelente crescimento desde o ano passado porque teve conteúdo muito bem trabalhado, por mais que a grande maioria das mensagens do site no Twitter seja levando para o site, são sempre de conteúdos diferenciados. Os seguidores do site já sabem que o grande conteúdo é de artigos, por isso, sempre que houver uma ativação do site no Twitter é para um novo artigo; nesse caso, mais uma vez, entra "em cena" o Filtro Social, pois há artigos no site pelos quais você vai se interessar demais e outros pelos quais você não vai se interessar naquele momento.
Para as marcas, se a Coca-Cola ficar mandando mensagens "Coca-Cola com promoção no Extra" também perderá seguidores. Mas se ela começar a enviar mensagens de esportes, natureza, passeios e entre esses houver uma mensagem promocional, tenha certeza de que as pessoas vão aceitar.
Mas lembre-se de que a marca não deve deixar sua essência de lado, seu DNA, apenas para conseguir seguidores nas Redes Sociais. Não adianta a Coca-Cola falar de política econômica no seu Twitter, porque as pessoas não estão ali para isso, se quiserem saber de política vão seguir alguém da área.
Marcas. É importante saber o comportamento do consumidor nas Redes Sociais. Falar que o consumidor hoje está no poder é algo batido, mas que ainda não encaixou na filosofia das empresas.

Vodafone vai oferecer navegação em celulares de baixo custo

Vodafone anunciou que planeja colocar o browser Opera Mini em dispositivos móveis de baixo custo.

A versão customizada do navegador, desenvolvida junto com a Opera Software e baseada no Opera Mini5, vai rodar em aparelhos com conexões 2G. O browser foi colocado em 20 dispositivos e poderá ser baixado por mais 250 tipos de aparelhos.

Além disso, a empresa criou uma interface simplificada para tornar a navegação mais fácil para usuários inexperientes, com instruções em linguagens locais e ênfase em ícones gráficos.

A Vodafone afirmou que está desenvolvendo aplicativos para serviços como e-mail, procura de empregos, compra e venda de serviços e produtos, aprendizado de línguas e acesso a aplicações globais.

De acordo com Jonathan Bill, executivo da Vodafone, o produto vai permitir que aparelhos simples se tornem dispositivos com boa capacidade de navegação, permitindo que milhões de pessoas usufruam dos aspectos econômicos e sociais que a internet oferece.

Inicialmente, a novidade será comercializada na Índia, África do Sul, Turquia, Tanzânia e Egito, mas deve ser estendida a outros países em breve.

Com informações de TG Daily

Chrome tem mais de 6% navegadores web

De acordo com dados da Net Applications, o Google Chrome atingiu a marca de 6,13% de participação no mercado de navegadores em março.

O crescimento impressiona, já que, em março de 2009, o browser tinha 2% de market share, e deve ter sido impulsionado com o lançamento de versões para Mac OS e para Linux, além do seu constante aperfeiçoamento, ganhando atualizações e novidades em um ritmo acelerado.

Já o Internet Explorer registrou queda no mesmo período, indo de 61,58% para 60,65% de participação. O Firefox manteve o segundo lugar, com 25,52%, e o Safari, da Apple, ficou com o quarto lugar, com 4,45% do market share.

Especulações de analistas apontam que a participação do Chrome chegará a 10% até o final deste ano.

A Vingança dos Nerds

User-agent: Mediapartners-Google*
Disallow:
A Vingança dos Nerds é uma comédia que se passa em um campus universitário, sendo a trama principal um grupo de excluídos (nerds) que fundam sua própria fraternidade. É uma batalha de cérebro contra músculos quando os fortões do time de futebol tentam esmagar seus excêntricos oponentes.
O filme foi lançado em 1984, e muitas pessoas que hoje são profissionais de internet nem haviam nascido ou ainda usavam fraldas (dureza ficar mais velho...). A mensagem é bem interessante, pois é uma boa metáfora para o momento atual da internet. Afinal, o Google foi fundado por dois programadores de Stanford!

A origem do Google: dois programadores que mudaram o mundo

Em 1996, Larry Page e Sergei Brin, então estudantes de graduação de Stanford, fizeram uma pergunta que mudaria o mundo: "Como contar os links de um site para trás?" (Fonte: A Busca - John Battelle). A partir desta pergunta, eles criaram o primeiro mecanismo de busca - BackRub - baseado no conceito de usar os links como votos para atribuir pesos aos sites. O ranking não seria mais baseado apenas no conteúdo do site, mas principalmente nos links que apontam para ele. O conceito é similar ao utilizado pelos livros quando citam a bibliografia (livros, página, autor, etc.), afinal o que é um link para outro site senão uma citação apontando para uma página específica sobre um assunto?
Em 1997, o Google foi batizado com seu nome atual, e em 1998 foram apresentados para Andy Bechtolsheim - co-fundador da Sun - que assinou um cheque de $ 100 mil para Google Inc. que ainda não existia juridicamente. A partir daí, todos já conhecem como termina a história (Fonte: Google History). Vejam algumas fotos para busca Google Garage:
verdade é que, em pouco mais de 10 anos, o Google revolucionou o mercado de marketing digital e os links patrocinados (adwords) se tornaram uma ferramenta indispensável para praticamente qualquer ação de mídia digital.

Nerd ou Geek

A palavra Nerd tem uma conotação negativa, pois geralmente é associada a uma pessoa que tem dificuldades de relacionamento com mulheres e que se interessa por assuntos muito específicos que ninguém conhece. No mundo da tecnologia, as pessoas que adoram a internet, gostam de aprender muitos assuntos e que adotam com rapidez novas tecnologias são chamados de Geeks.
A crescente valorização do marketing digital criou uma demanda por profissionais early-adopters e inovadores. O conhecimento técnico, antes associado a atividades operacionais, tem ganhado cada vez maior relevância com o crescimento das mídias digitais, das redes sociais e do SEO (search engine optimization).

Cauda Longa e Conteúdo

A Cauda Longa é uma forma de representar uma distribuição de dados de maneira decrescente. Chris Anderson mostra em seu livro que o marketing de massa focado nos grandes "hits" está perdendo a sua força, e que a força está nos nichos de mercado. Aplicando o conceito da Cauda Longa às palavras-chave, por exemplo "DIETA", temos uma distribuição dos desejos das pessoas em torno de um tema.
Note que, para o nicho de buscas de DIETA, o comportamento de busca está direcionado aos tipos de dietas, como da sopa, mediterrânea, atkins,  japonesa etc.
Analisar e manipular planilhas para elaborar estudos de palavras-chave é fundamental para entender os desejos do consumidor. Mas, espere aí! Isso não é o objetivo do marketing?

Dominando o Google: SEM (search engine marketing)

Aparecer nas melhores posições no Google é o desejo da maiorias das empresas, porém cabem apenas 10 resultados orgânicos (gratuitos) na primeira página. Os links patrocinados são uma estratégia importante para comprar posições nos resultados com anúncios pagos. E a combinação de estratégias de otimização de sites (SEO) e links patrocinados compõem o Search Engine Marketing (SEM).
A premissa básica para ganhar relevância no Google é ter um conteúdo relevante. Recordando a metáfora das citações de livros, apenas com conteúdo relevante é possível conquistar links em outros sites de maneira natural.
Porém, conteúdo relevante sem uma estrutura do site adequada é conteúdo oculto aos buscadores. Entra em cena o profissional de SEO (search engine optimization) que é responsável por orientar como produzir o site com as boas práticas para os buscadores e como potencializar a conquista de links para ganhar mais relevância no ranking do Google.
O bom profissional de SEO deve estudar muito, principalmente assuntos mais técnicos. É um mercado em crescimento e as empresas estão procurando cada vez mais profissionais capacitados.
O perfil típico de um profissional de SEO são pessoas que adoram a internet, gostam de aprender coisas novas e adotam com rapidez novos conceitos.

Redes Sociais

Com o boom do Orkut no Brasil, criou-se um estigma de que redes sociais não são adequadas para um trabalho mais "sério" de marketing. A realidade é que elas já fazem parte da estratégia de marketing das grandes empresas, porém muitos gestores não são usuários da maioria das redes sociais, pois não pertencem à geração geek que se cadastra e usa dezenas de redes sociais.
Cria-se um dilema:
Como planejar ações de marketing digital, se os gestores são da geração que sentem falta do marketing tradicional?
Um case excelente é a "Galinha Pintadinha". Ao pesquisar no Google "galinha", você perceberá nos resultados um vídeo no YouTube, com mais de 14 MILHÕES de visualizações!, que é de um DVD chamado Galinha Pintadinha. A questão é: Quem pesquisa "galinha" no Google? Potencialmente são pais ajudando os filhos a fazer uma pesquisa escolar, e quem resiste a assistir? galinha-pintadinha

O novo mercado e as oportunidades

Acredito que estamos vivenciando uma fase de transição do tradicional para o online. Como toda mudança, muitas pessoas se sentirão prejudicadas pelas novas regras, mas muitas saberão aproveitar as novas oportunidades.
"Quem sobrevive não é o mais forte ou o mais inteligente, e sim quem melhor se adapta às mudanças" - Charles Darwin
É preciso tomar cuidado, pois temos a ilusão de achar que o dinheiro pode vir fácil pelo fato de muitas pessoas não dominarem tecnologias que "nós" dominamos. Há mais de 10 anos achei que ficaria rico criando páginas com FrontPage!
No seu excelente artigo "Comunicação: inovação x resistência à mudança. Onde você se enquadra?", Sérgio Mugnaini aborda a questão das pessoas resistentes às mudanças, porém uma frase me chamou a atenção e deve servir de alerta aos geeks que se julgam experts:
"Muitos dos novos profissionais pecam pelo excesso de tecnologia e se esquecem de contar histórias. E a tarefa de contar histórias, o storytelling, é primordial para uma boa comunicação."
Meu filho, hoje com 6 anos, terá dificuldades para entender esta fase. Uma coisa é certa, se você quer se tornar um profissional de marketing digital, aprenda a contar histórias com qualidade (está aqui deu um bom trabalho).
E viva a Vingança dos Nerds, isto é, a Vingança dos Geeks!

Microsoft prepara Whidbey, Lognhorn e Office 12...

 Fontes próximas à companhia disseram que uma nova tecnologia de workflow denominada WinOE estará disponível primeiramente como um add-on para o .NET Framework e o novo Visual Studio em 2006. No mesmo ano, a tecnologia estará disponível para o Longhorn e o Office 12.

Aproveitando o embalo o Longhorn já está com novas datas para lançamento, por isso se você tem se perguntado o que está acontecendo com o Longhorn e se teremos a chance de vê-lo durante a WinHEC 2005, aqui vão algumas respostas.


Não é certeza ainda que o Longhorn irá aparecer na WinHEC 2005, mas provavelmente a Microsoft irá disponibilizar uma versão um pouco simplificada do build M9 durante a conferência (seguindo o exemplo do build disponibilizado no PDC 2003).


Já para as datas, o build Milestone 9 (M9) deve ser compilado em 16 de Março de 2005, o Beta 1 deve estar pronto em 25 de Maio e a versão final tem lançamento previsto para 24 de Maio de 2006.


Todas as informações e datas aqui mostradas podem ser alteradas sem aviso prévio.

Cursor Magico

User-agent: Mediapartners-Google*
Disallow:

Código Fonte do script


bgcolor=#3366cc>



NOME="A0" LEFT =10 TOP =10 VISIBILIDADE = SHOW BGCOLOR ="Branco" CLIP ="0,0,1,1"> NOME="A1" LEFT =10 TOP =10 VISIBILIDADE = SHOW BGCOLOR ="Amarelo" CLIP ="0,0,1,1"> NOME="A2" LEFT =10 TOP =10 VISIBILIDADE = SHOW BGCOLOR ="Ouro" CLIP ="0,0,1,1"> NOME="A3" LEFT =10 TOP =10 VISIBILIDADE = SHOW BGCOLOR ="Branco" CLIP ="0,0,1,1"> NOME="A4" LEFT =10 TOP =10 VISIBILIDADE = SHOW BGCOLOR ="Amarelo" CLIP ="0,0,1,1"> NOME="A5" LEFT =10 TOP =10 VISIBILIDADE = SHOW BGCOLOR ="Ouro" CLIP ="0,0,1,1"> NOME="A6" LEFT =10 TOP =10 VISIBILIDADE = SHOW BGCOLOR ="Branco" CLIP ="0,0,1,1"> NOME="A7" LEFT =10 TOP =10 VISIBILIDADE = SHOW BGCOLOR ="Amarelo" CLIP ="0,0,2,2"> NOME="A8" LEFT =10 TOP =10 VISIBILIDADE = SHOW BGCOLOR ="Ouro" CLIP ="0,0,2,2"> NOME="A9" LEFT =10 TOP =10 VISIBILIDADE = SHOW BGCOLOR ="Branco" CLIP ="0,0,2,2"> NOME="A10" LEFT =10 TOP =10 VISIBILIDADE = SHOW BGCOLOR ="Amarelo" CLIP ="0,0,2,2"> NOME="A11" LEFT =10 TOP =10 VISIBILIDADE = SHOW BGCOLOR ="Ouro" CLIP ="0,0,2,2"> NOME="A12" LEFT =10 TOP =10 VISIBILIDADE = SHOW BGCOLOR ="Branco" CLIP ="0,0,2,2"> NOME="A13" LEFT =10 TOP =10 VISIBILIDADE = SHOW BGCOLOR ="Amarelo" CLIP ="0,0,2,2">

Efeito TV

Tudo bom pessoal viciado em Design. Faz um bom tempo
que não envio nada aqui, mas eis que voltei com efeito
simples que, no entanto, traz alguns recursos que
podem ser aplicados em outras situações.
Primeiramente desenhe um retângulo para ser o box da
nossa TV. Agora desenhe dentro dele um retângulo menor
para ser o tubo dela. Vê os nós nos cantos do
retângulo? Uns quadradinhos pequeninos? Arraste-os um
pouco para dentro para arredondar os cantos do
retângulo, mas não muito.
Agora clique na ferramenta preenchimento (o baldinho
de tinta) e selecione a opção padrão. Com a janela de
preenchimento padrão aberta selecione a opção Bitmap e
clique no botão carregar para importar uma imagem para
a tela da TV. Dimensione o preenchimento um pouco
maior que figura que forma a tela e dê OK.
Agora vamos à interferência!
Insira um retângulo da cor preta exatamente igual ao
acima, ele deve estar na mesma posição inclusive. Após
isso, vá em menu Bitmap->Converter em Bitmap. Ele
passará a ser uma bitmap e então, aplique o efeito
Bitmao->Ruído->Adicionar ruído três vezes no modo de
cor simples na cor branca.
Agora só falta confundir as imagens. Para isso,
selecione a ferramenta Transparência interativa no
conjunto interativo logo abaixo da ferramenta Texto, e
na barra de propriedades troque a opção nenhuma por
uniforme e agora é só regular a opacidade e PRONTO!
Uma Tv com interferência.
Espero que tenha sido proveitoso!